segunda-feira, 30 de abril de 2012

BTCC

Gordon Shedden foi o destaque do final de semana em Thruxton.
por
Luis Fernando Soares de Almeida

Gordon Shedden ganhou duas das três corridas do final de semana em Thruxton pela 3° etapa do campeonato britânico de turismo. Mat Jackson venceu a primeira corrida. Esses resultados foram os mesmos do final de semana em Donington Park pela 2° etapa.
Apesar dos resultados o líder da competição ainda é Jason Plato (MG6), Plato ficou em 3° na primeira corrida, 2° na segunda e 4° colocado na última corrida do final de semana. A próxima etapa da BTCC acontece no dia 10 de Junho em Oulton Park.
Confira abaixo o resultado da última corrida.

BTCC: 3° ETAPA - THRUXTON - CORRIDA 3
=======================================
1.(52) Gordon Shedden, Honda Civic - 16 voltas
2.(1) Matt Neal, Honda Civic - +0.719s
3.(11) Frank Wrathall, Toyota Avensis - +8.102s
4.(99) Jason Plato, MG6 - +9.647s
5.(77) Andrew Jordan, Honda Civic - +13.264s
6.(4) Mat Jackson, Ford Focus - +25.112s
7.(8) Robert Collard, BMW 320si E90 - +41.980s
8.(43) Lea Wood, Vauxhall Vectra - +44.687s
9.(55) Jeff Smith, Honda Civic - +45.249s
10.(38) Tom Onslow-Cole, BMW 320si E90 - +50.975s
11.(18) Nick Foster, BMW 320si E90 - +54.146s
12.(6) Liam Griffin, Ford Focus - +54.379s
13.(13) Rob Austin, Audi A4 - +1:08.744s
14.(5) Aron Smith, Ford Focus - +1 volta
15.(48) Ollie Jackson, VW Golf MK5 - +1 volta
16.(50) Tony Hughes, Toyota Avnesis - +1 volta
17.(78) Chris James, Vauxhall Vectra - +1 volta
18.(33) Adam Morgan, Toyota Avensis - +1 volta
19.(17) Dave Newsham, Vauxhall Vectra - +1 volta
20.(44) Andy Neate, MG6 - +10 voltas
21.(34) Tony Gilham, Honda Civic - +11 voltas
-------------------------------------------//BTCC 2012

INDYCAR SERIES

Will Power confirma o favoritismo e vence a 3° edição da SPIndy300 no Anhembi.
por Luis Fernando Soares de Almeida

A chuva aguardada não chegou para alívio dos pilotos e do público que pode conferir uma corrida bem movimentada com grandes disputas, acidentes e muita competição. O australiano Will Power que já recebeu o apelido do São "Power", venceu de maneira brilhante.
Power dominou a corrida de ponta a ponta, não dando nenhuma chance para os adversários. Will Power simplesmente venceu todas as corridas disputadas no circuito de rua temporário de São Paulo. O americano Ryan Hunter-Reay da Andretti Autosport chegou na segunda posição. Fechando o pódio o japonês Takuma Sato da Rahal Letterman Lanigan chegou em 3°, Sato foi a grande sensação da corrida, tendo largado na penúltima posição o japonês fez uma corrida excepcional conseguindo chegar ao pódio.
Helio Castroneves fez uma ótima corrida e terminou na 4° posição. Helinho que largou apenas na 18° posição do grid, fez uma corrida de recuperação perfeita contando com uma ótima estratégia de paradas nos boxes, Helinho se recuperou e chegou entre os cinco primeiros colocados.
Rubens Barrichello da KV Racing Technology fez uma corrida regular mas terminou entre os 10 primeiros. Rubinho tinha problemas em seu câmbio e perdia potência nas retas longas do circuito do Anhembi. Mesmo assim ele conseguiu um bom resultado.
Tony Kanaan (KV Racing Technology) terminou em 13°. Ana Beatriz chegou a fazer duas excelentes ultrapassagens, mas acabou se envolvendo num grande acidente com 7 carros e terminou apenas na 20° posição. O tetra-campeão Dario Franchitti errou numa relargada quando estava na 3° posição e acabou derrapando o seu carro, apesar disso ele ainda conseguiu chegar em quinto.
A próxima etapa da Indy acontece em Indianapolis, na tradicionalíssima 550 Milhas no dia 27 de Maio. A espectativa é grande e as equipes terão praticamente 4 semanas para se preparar para a prova.
Confira abaixo como terminou a corrida em São Paulo, a 4° etapa da IndyCar Series.

INDY: 4° ETAPA - SP300 - FINAL
==================================
1.(12) Will Power, Team Penske (Chevy) - 75 voltas
2.(28) Ryan Hunter-Reay, Andretti Autosport (Chevy) - 75 voltas
3.(15) Takuma Sato, Rahal Letterman Lanigan (Honda) - 75 voltas
4.(3) Helio Castroneves, Team Penske (Chevy) - 75 voltas
5.(10) Dario Franchitti, Target Chip Ganassi (Honda) - 75 voltas
6.(27) James Hinchcliffe, Andretti Autosport (Chevy) - 75 voltas
7.(4) JR Hildebrand, Panther Racing (Honda) - 75 voltas
8.(83) Charlie Kimball, NovoLog FlexPen (Honda) - 75 voltas
9.(5) E.J. Viso, KV Racing Technology (Chevy) - 75 voltas
10.(9) Rubens Barrichello, KV Racing Technology (Chevy) - 75 voltas
11.(22) Oriol Servia, Lotus DDR (Lotus) - 75 voltas
12.(77) Simon Pagenaud, Schmidt Hamilton (Honda) - 75 voltas
13.(11) Tony Kanaan, KV Racing Technology (Chevy) - 74 voltas
14.(26) Marco Andretti, Andretti Autosport (Chevy) - 74 voltas
15.(19) James Jakes, Boy Scouts of America (Honda) - 74 voltas
16.(38) Graham Rahal, Service Central (Honda) - 74 voltas
17.(9) Scott Dixon, Target Chip Ganassi (Honda) - 74 voltas
18.(7) Sebastien Bourdais, Dragon Racing (Lotus) - 74 voltas
19.(14) Mike Conway, A.J. Foyt Racing (Honda) - 73 voltas
20.(25) Ana Beatriz, Andretti Autosport (Chevy) - 73 voltas
21.(20) Ed Carpenter, Ed Carpenter (Chevy) - 72 voltas
22.(18) Justin Wilson, Sonny's BBQ  (Honda) - 66 voltas (probl. mecânicas)
23.(67) Josef Newgarden, Sarah Fisher Hartman (Honda) - 61 voltas (acidente)
24.(78) Simona de Silvestro, Lotus HVM Racing (Lotus) - 28 voltas (acidente)
25.(2) Ryan Briscoe, Team Penske (Chevy) - 21 voltas (acidente)
26.(6) Katherine Legge, Dragin Racing (Lotus) - 20 voltas (acidente)

-------------------------------------------//IndyCar Series 2012

domingo, 29 de abril de 2012

INDYCAR SERIES

Will Power continua reinando em São Paulo.
por Luis Fernando Soares de Almeida

O australiano Will Power  conquistou pela 3° vez consecutiva a Pole position para a Indy300 no Anhembi em São Paulo. O dominio do australiano é impressionante na prova paulistana. Power venceu as duas primeiras edições e conquistou todas as pole positions para essa corrida.
Os brasileiros decepcionaram o excelente público que compareceu no Anhembi, Tony Kanaan foi o único brasileiro que se classificou para o Top 12, ficando exatamente nessa posição.
Rubens Barrichello tambem da KV Racing Technology ficou logo atrás de Kanaan em 13°. Helio Castroneves que bateu o seu carro no último treino livre teve a suspensão dianteira do lado esquerda quebrada e o carro não teve um bom desempenho no treino classificatório. Helinho larga apenas na 10° fila na 20° posição. Ana Beatriz que conseguiu patrocínio para essa prova, foi muito lenta nos treinos e larga apenas na 21° posição.
O tetra-campeão Dario Franchitti teve um ótimo desempenho e apenas no finalzinho do Fast Six perdeu a pole para Power. Na segunda fila teremos Scott Dixon (Target Chip Ganassi) em 3° e James Hinchcliffe (Andretti Autosport) na 4° posição.
Os carros com motores da Lotus continuem com um desempenho sofrível, o mais rápido foi Sebastien Bourdais da Dragon Racing que larga na 19° posição.

INDYCAR: INDY300 SÃO PAULO - GRID DE LARGADA
==============================================
1.(12) Will Power, Team Penske (Chevy) - 1:21.4045
2.(10) Dario Franchitti, Target Chip Ganassi (Honda) - 1:21.4485
3.(9) Scott Dixon, Target Chip Ganassi (Honda) - 1:21.8545
4.(27) James Hinchcliffe, Andretti Autosport (Chevy) - 1:21.9956
5.(28) Ryan Hunter-Reay, Andretti Autosport (Chevy) - 1:22.2408
6.(18) Justin Wilson, Dale Coyne Racing (Honda) - 1:22.2681
----------------------------------------------------------
7.(38) Graham Rahal, SC Chip Ganassi (Honda) - 1:21.8033
8.(14) Mike Coway, A.J. Foyt Racing (Honda) - 1:21.8122
9.(67) Josef Newgarden, Sarah Fisher Hartman Racing (Honda) - 1:21.8087
10.(2) Ryan Briscoe, Team Penske (Chevy) - 1:21.8495
11.(26) Marco Andretti, Andretti Autosport (Chevy) - 1:21.8498
12.(11) Tony Kanaan, KV Racing Technology (Chevy) - 1:22.5210
13.(8) Rubens Barrichello, KV Racing Technology (Chevy) - 1:22.3939
14.(5) E.J. Viso, KV Racing Technology (Chevy) - 1:22.1404
15.(4) JR Hildebrand, Panther Racing (Chevy) - 1:22.4321
16.(83) Charlie Kimball, Novo Nordisk Chip Ganassi (Honda) - 1:22.1973
17.(77) Simon Pagenaud, Schmidt Hamilton Motorsports (Honda) - 1:22.4354
18.(19) James Jakes, Dale Coyne Racing (Honda) - 1:22.3840
19.(7) Sebastien Bourdais, Dragon Racing (Lotus) - 1:23.1331
20.(3) Helio Castroneves, Team Penske (Chevy) - 1:22.4143
21.(25) Ana Beatriz, Andretti Autosport (Chevy) - 1:23.2692
22.(20) Ed Carpenter, Ed Carpenter Racing (Chevy) - 1:22.9424
23.(78) Simona de Silvestro, Lotus-HVM Racing (Lotus) - 1:23.6762
24.(22) Oriol Servia, Lotus-DDR (Lotus) - 1:23.4509
25.(6) Katherine Legge, Dragon Racing (Lotus) - 1:24.6042
26.(15) Takuma Sato, Rahal Letterman Lanigan (Honda) - sem tempo
---------------------------------------------//IndyCar Series 2012

quarta-feira, 25 de abril de 2012

INTERNATIONAL GT OPEN

Quarenta carros inscritos na abertura do GT Open em Portimão.
por Luis Fernando Soares de Almeida

O International GT Open e o campeonato de GT Espanhol tem inicio marcado para esse próximo final de semana no Autódromo do Algarve em Portimão. Nada mais nada menos do qe 40 carros se inscreveram para a etapa de abertra que acontece no domingo em Portugal.
Disputando especificamente o GT Open estarão 26 carros. A equipe Villois Racing retorna para a classe Super GT com o Aston Martin GT2, com os pilotos Matteo Malucelli e o campeão de 2010 Álvaro Barba. Pela Ombra Racing foram confirmados o campeão da classe GTS, Lorenzo Bontempelli e o seu companheiro de equipe Mario Cordoni, eles pilotarão uma Ferrari 458 GT3.
O brasileiro Matheus Stumpf estará disputando a temporada pela equipe ACL Rodrive com um Ford GT, o companheiro de Stumpf será o português Rui Lapa.  A lista completa de carros contêm os seguintes modelos: Ferrari 458 Italia, Porsche 997 RSR, Lotus Evora, Aston Martin Vantage, Ferrari 430 GT2, Ford GT, Lamborghini Gallardo LP600+, McLaren MP4-12C, Viper GT3, Megane Trophy, Ginetta G50 GT4, BMW M3 e Lotus Evora GT4. Uma lista de respeito sem dúvida nenhuma.
------------------------------------------------//International GT Open 2012

INDYCAR SERIES

Michel Jourdain Jr. retorna a Indy após 16 anos.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Michel Jourdain Jr. retorna à Indy após 16 anos de ausência das pistas pela categoria. Ele irá disputar as 500 Milhas de Indianápolis pela equipe de Rahal Letterman Lanigan Racing em Maio próximo. Será a 96° participação de Jourdain numa corrida da Indy.
Jourdain será companheiro de equipe de Takuma Sato, que dirige o carro No.15 da equipe. O carro do mexicano será o No.30 e conta com o patrocínio da Office Depot Mexico com associações dos grupos Roshfrans, Grupo Indi e Grupo Multi. Jourdain competiu na categoria em 2004. Ele se tornou o mais jovem piloto à começar uma corrida da Champ Car em Long Beach em 1996 com apenas 19 anos e 6 meses. Ele fez 152 corridas pela CART e Champ Car de 1996 até 2004. Ele ainda participou de três corridas da Indy Racing League, incluindo uma participação nas 500 Milhas de Indianapolis onde ele largou na 8° posição e chegou em 13°.
Ele conseguiu duas vitórias na categoria, em 2003 em Montreal e Milwaukee pela equipe de Bobby Rahal. Com a companhia Ford Motor por trás, ele foi para a NASCAR disputar a Nationwide Series de 2005-2008 e também competiu na Camping World Truck Series em 2006.
----------------------------------------------//IndyCar Series 2012

INDYCAR SERIES

Lotus abandona duas equipes da Indy, agora são apenas duas equipes com motores Lotus.
por Luis Fernando Soares de Almeida

O Grupo Lotus confirmou nessa terça feira que reduzirá o número de motores que disputa a temporada da IZOD IndyCar Series. Bryan Herta Autosport e Dreyer & Reinbold Racing não contarão mais com os propulsores da Lotus, terão que decidir entre Chevrolet e Honda para as próximas etapas da Indy.
O objetivo da diminuição de motores é procurar desenvolver mais os motores, que tiveram muito pouco tempo de testes antes de entrar na categoria.
A falta de potência nas retas é a maior preocupação do grupo, os motores da Honda e Chevrolet na etapa de Long Beach com as medições feitas, mostraram que esses motores eram cerca de 8-10 quilometros mais rápidos do que os motores da Lotus.
O grupo Lotus continuará trabalhando com a HVM Racing (Simona de Silvestro), que foi o seu parceiro original, e a Dragon Racing. O diretor do Grupo Motorsport Lotus Claudio Berro disse que é uma luta de David versus Golias comparando com as outras empresas com mais experiência no automobilismo norte americano. Na etapa do Brasil a Dreyer & Reinbold ainda utilizara os motores da Lotus. A direção da Indycar disse que estara dando assistência para essas duas equipes para que tenham um motor competitivo para as 500 Milhas de Indianapolis.
-----------------------------------------------//IndyCar Series 2012

segunda-feira, 23 de abril de 2012

FÓRMULA 1

 
Sebastian Vettel volta ao topo do pódio no Bahrain.
por Luis Fernando Soares de Almeida

A atual temporada da Fórmula 1 esta realmente fantástica. Em quatro etapas quatro vencedores diferentes. Isso não acontecia desde 1983 ou seja há 29 anos quando Nelson Piquet venceu no Brasil com um carro da Brabham, John Watson venceu nos EUA com a McLaren, Alain Prost com o seu Renault venceu na França e Patrick Tambay venceu com a Ferrari em San Marino.
Nas quatro primeiras etapas desse ano , quatro equipes e pilotos diferentes venceram. Button (McLaren) na Austrália, Fernando Alonso (Ferrari) na Malásia, Nico Rosberg (Mercedes GP) na China e nesse final de semana Sebastian Vettel (Red Bull Racing).
Vettel fez a pole e dominou a corrida completamente desde a largada, mas por enquanto esta claro que não temos um completo favorito para a conquista do título. Vettel cruzou a linha de chegada apenas 3 segundos à frente de Kimi Räikkonen com a Lotus.
A grande equipe do final de semana, foi a da Lotus que colocou os seus dois pilotos no pódio. Räikkonen chegou em segundo e Romain Grosjean com uma excelente atuação ficou em 3°.
Mark Webber (Red Bull Racing) chegou na 4° posição seguido de Nico Rosberg (Mercedes GP) que acabou a corrida na 5° colocação.
A Ferrari apesar da ótima largada de Fernando Alonso e Felipe Massa, demonstrou rapidamente um desgaste excessivo do primeiro 'set' de pneus. Alonso terminou a corrida em sétimo lugar, com o brasileiro Felipe Masse acabando na 9° posição. Os carros da Mercedes não tiveram um bom desempenho. Nico Rosberg que conseguiu a sua primeira vitória da carreira na semana passada na China, terminou em 5°. Michael Schumacher que chegou a trocar farpas com a fabricante de pneus, Pirelli, terminou em 10°.
Bruno Senna á apenas três voltas do final abandonou com problemas nos freios de seu Williams-Renault.
A F-1 faz agora uma pausa de três semanas e volta apenas no dia 13 de Maio com a prova da Catalunia.

F-1: 4° ETAPA - BAHRAIN - FINAL
===================================
1.(1) Sebastian Vettel, Red Bull Racing-Renault - 57 voltas
2.(9) Kimi Räikkönen, Lotus-Renault - +3.3 segs
3.(10) Romain Grosjean, Lotus-Renault - +10.1 segs
4.(2) Mark Webber, Red Bull Racing-Renault - +38.7 segs
5.(8) Nico Rosberg, Mercedes GP - +55.4 segs
6.(11) Paul di Resta, Force India-Mercedes - +57.5 segs
7.(5) Fernando Alonso, Ferrari - +57.8 segs
8.(4) Lewis Hamilton, McLaren-Mercedes - +58.9 segs
9.(6) Felipe Massa, Ferrari - +64.9 segs
10.(7) Michael Schumacher, Mercedes GP - +71.4 segs
11.(15) Sergio Perez, Sauber-Ferrari - +72.7 segs
12.(12) Nico Hulkenberg, Force India-Mercedes - +76.5 segs
13.(14) Kamui Kobayashi, Sauber-Ferrari - +90.3 segs
14.(17) Jean-Eric Vergne, STR-Ferrari - +93.7 segs
15.(16) Daniel Ricciardo, STR-Ferrari - +1 volta
16.(21) Vitaly Petrov, Caterham-Renault - +1 volta
17.(20) Heikki Kovalainen, Caterham-Renault - +1 volta
18.(3) Jenson Button, McLaren-Mercedes - abandono
19.(24) Timo Glock, Marussia-Cosworth - +2 voltas
20.(22) Pedro de la Rosa, HRT-Cosworth - +2 voltas
21.(23) Narain Karthikeyan, HRT-Cosworth - 2 voltas
22.(19) Bruno Senna, Williams-Renault - abandono
23.(18) Pastor Maldonado, Williams-Renault - abandono (pneus)
24.(25) Charles Pic, Marussia-Cosworth - abandono (motor)

-----------------------------------------------//Fórmula 1 2012

domingo, 22 de abril de 2012

GT1 SERIES (FIA)

 Vitória surpreendente da Porsche na segunda etapa do GT1 em Zôlder.
por Luis Fernando Soares de Almeida
Na primeira corrida do sábado a chamada Qualifying Race, o BMW No.8 venceu se recuperando da péssima estréia no campeonato na etapa passada em Nogaro quando marcou apenas 1 ponto.
A dupla de pilotos, Yelmer Buurman e Michael Bartels venceram com maestria numa pista encharcada pelas chuvas. Na segunda corrida do final de semana, a Championship Race no domingo uma grande surpesa. Com uma ótima estratégia na escolha dos pneus o Porsche No.9 da equipe Exim Bank Team China dos pilotos Mike Parisy e Matt Halliday venceram a corrida do domingo.
Apesar da pista ainda molhada, e equipe Exim escolheu pneus slick para pista seca, a arriscada escolha rendeu uma bela vitória, a primeira da Porsche na história do GT1. O BMW Z4 de Buurman pressionou bastante e cruzou a linha de chegada há apenas 1 segundo do líder Porsche. Confira abaixo o resultado das duas corridas do GT1.

FIA-GT1: 2° ETAPA - ZÖLDER - QUALI RACE
=========================================
1.  Bartels/Buurman           Vita4One BMW         1h00m41.928s
2.  Jager/Pastorelli          Munnich Mercedes         + 0.567s
3.  Halliday/Parisy           Exim Porsche            + 20.578s
4.  Makowiecki/Dusseldorp     Hexis McLaren           + 21.119s
5.  Mayr-Melnhof/Lauda        Vita4One BMW            + 21.462s
6.  Winkelhock/Basseng        Munnich Mercedes        + 25.785s
7.  Ide/Castellacci           AF Corse Ferrari        + 41.336s
8.  O'Young/Kox               Reiter Lamborghini      + 49.829s
9.  Martin/Vasiliev           Valmon Aston Martin   + 1m03.752s
10.  Demoustier/Parente        Hexis McLaren         + 1m09.961s
11.  Stippler/Jarvis           WRT Audi              + 1m10.255s
12.  Vanthoor/Ortelli          WRT Audi              + 1m39.328s
13.  Vilander/Salaquarda       AF Corse Ferrari          + 1 lap
Abandonos:
     Zuber/Afanasyev           Valmon Aston Martin       18 laps
     von Thurn und Taxis/Enge  Reiter Lamborghini         9 laps
     Lariche/Wei               Exim Porsche               7 laps
     Pavlovic/Cressoni         Sunred Ford                0 laps


FIA-GT1: 2° ETAPA - ZÖLDER - CHAMP RACE
=========================================
1.  Halliday/Parisy           Exim Porsche         1h00m32.983s
2.  Bartels/Buurman           Vita4One BMW             + 1.030s
3.  Vilander/Salaquarda       AF Corse Ferrari        + 17.256s
4.  Jager/Pastorelli          Munnich Mercedes        + 29.070s
5.  Makowiecki/Dusseldorp     Hexis McLaren           + 29.580s
6.  Vanthoor/Ortelli          WRT Audi                + 29.900s
7.  Demoustier/Parente        Hexis McLaren           + 32.167s
8.  von Thurn und Taxis/Enge  Reiter Lamborghini      + 37.156s
9.  Winkelhock/Basseng        Munnich Mercedes        + 38.456s
10.  Stippler/Jarvis           WRT Audi                + 38.885s
11.  Ide/Castellacci           AF Corse Ferrari        + 47.053s
12.  Martin/Vasiliev           Valmon Aston Martin   + 1m25.273s
13.  O'Young/Kox               Reiter Lamborghini        + 1 lap
14.  Mayr-Melnhof/Lauda        Vita4One BMW              + 1 lap
15.  Zuber/Afanasyev           Valmon Aston Martin       + 1 lap
16.  Pavlovic/Cressoni         Sunred Ford              + 2 laps
17.  Lariche/Wei               Exim Porsche             + 4 laps

----------------------------------------------------//FIA-GT1 2012
  Ferrari domina as duas corridas da 2° etapa do GT3 em Zolder na Bélgica.
por Luis Fernando Soares de Almeida

A Ferrari 458 Italia No.50 da equipe AF Corse venceu as duas corridas no circuito de Zölder na Bélgica e assumiu a liderança do campeonato do FIA-GT3. A dupla de pilotos Gaetano Ardagna Perez e Giuseppe Ciro tiveram um desempenho excepcional no dificil e escorregadio circuito de Zölder. Confira abaixo o resultado das duas corridas e a classificação atualizado na coluna da direita.

FIA-GT3: 2° ETAPA - ZÖLDER - CORRIDA 1
=========================================
1.(50) Gaetano A. Perez/Giuseppe Ciro, Ferrari 458 Italia - 35 voltas
2.(11) Hari Proczyk/David Mengesdorf, Lamborghini Gallardo LP600 - +12.387
3.(51) Stefano Gai/Michael Lyons, Ferrari 458 Italia - +12.620
4.(2) Max Nilsson/Mika Vahamaki, Mercedes-Benz SLS AMG - +40.442
5.(1) Dominik Baumann/Maximilian Buhk, Mercedes-Benz SLS AMG - +41.090
6.(14) Cesar Campanico/Ni Amorim, Audi R8 LMS - +41.738
7.(4) Miguel Tori/Sergey Ryabov, Ferrari 458 Italia - +1:28.930
8.(5) Vyacheslav Maleev/Kirill Ladygin, Ferrari 458 Italia - +1:33.635
9.(12) Leo Machitski/Natalia Freidina, Lamborghini Gallardo LP600 - +3 voltas
10.(16) Marc Sourd/Gregory Guilvert, Audi R8 LMS - +7 voltas
11.(15) Jerome Demay/Dino Lunardi, Audi R8 LMS - +33 voltas (abandono)

FIA-GT3: 2° ETAPA - ZÖLDER - CORRIDA 2
=========================================
1.(50) Gaetano A. Perez/Giuseppe Ciro, Ferrari 458 Italia - 35 voltas
2.(11) Hari Proczyk/David Mengesdorf, Lamborghini Gallardo LP600 - +12.909
3.(1) Dominik Baumann/Maximilian Buhk, Mercedes-Benz SLS AMG - +26.428
4.(5) Vyacheslav Maleev/Kirill Ladygin, Ferrari 458 Italia - +1:15.368
5.(51) Stefano Gai/Michael Lyons, Ferrari 458 Italia - +1:30.590
6.(15) Jerome Demay/Dino Lunardi, Audi R8 LMS - +1:47.934
7.(16) Marc Sourd/Gregory Guilvert, Audi R8 LMS - +1:56.476
8.(14) Cesar Campanico/Ni Amorim, Audi R8 LMS - +1 volta
9.(2) Max Nilsson/Mika Vahamaki, Mercedes-Benz SLS AMG - +1 volta
10.(12) Leo Machitski/Natalia Freidina, Lamborghini Gallardo LP600 - +2 voltas
11.(4) Miguel Tori/Sergey Ryabov, Ferrari 458 Italia - +2 voltas
--------------------------------------------//FIA-GT3 2012

GP2 SERIES

 Davide Valsecchi vence as duas corridas do Bahrain pela 2° etapa do GP2.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Davide Valsecchi da equipe DAMS foi o grande destaque da segunda etapa do GP2 disputada em Abu Dhabi no Bahrain. Entre os brasileiros na primeira corrida Luiz Razzia conseguiu uma segunda colocação na primeira corrida enquanto que o campeão do F-3 britânica, Felipe Nasr acabou abandonando a corrida. Na corrida de domingo, Razzia chegou na 4° posição e Felipe Nasr chegou na 6° colocaação. A terceira etapa do GP acontece novamente nesse mesmo circuito do Bahrain, nos dias 28 e 29 de Abril.

GP2: 2° ETAPA - CORRIDA 1 - BAHRAIN
====================================
1.(3) D. Valsecchi, DAMS - 32 voltas
2.(23) L. Razzia, Arden International - +7.770
3.(10) E. Gutiérrez, Lotus GP - +13.528
4.(26) M. Chilton, Carlin - +14.088
5.(9) J. Calado, Lotus GP - +16.278
6.(21) T. Dillmann, Rapax - +16.559
7.(5) F. Leimer, Racing Engineering - +17.243
8.(15) F. Onidi, Scuderia Coloni - +28.109
9.(27) R. Haryanto, Carlin - +32.846
10.(24) B. Hartley, Ocean Racing Technology - +36.093
11.(16) S. Richelmi, Trident Racing - +37.377
12.(17) J. Leal, Trident Racing - +38.677
13.(7) M. Ericsson, iSport International - +40.627
14.(18) F. Crestani, Venezuela GP Lazarus - +41.009
15.(11) R. González, Caterham Racing - +44.028
16.(22) S. Trummer, Arden International - +44.552
17.(20) R. Teixeira, Rapax - +47.776
18.(19) G. Serenelli, Venezuela GP Lazarus - +52.464
19.(2) D. Clos, Barwa Addax Team - Abandono
20.(25) N. Melker, Ocean Racing Technology - Abandono
21.(6) N. Berthon, Racing Engineering - Abandono
22.(1) J. Cecotto, Barwa Addax Team - Abandono
23.(12) G. Van der Garde, Caterham Racing - Abandono
24.(4) Felipe Nasr, DAMS - Abandono
25.(14) S. Coletti, Scuderia Coloni - Abandono
26.(8) J. Palmer, iSport International - Abandono


GP2: 2° ETAPA - CORRIDA 2 - BAHRAIN
====================================
1.(3) D. Valsecchi, DAMS - 22 voltas
2.(10) E. Gutierrez, Lotus GP - +0.399
3.(9) J. Calado, Lotus GP - +10.617
4.(23) L. Razzia, Arden International - +12.463
5.(26) M. Chilton, Carlin - +13.573
6.(4) F. Nasr, DAMS - +15.414
7.(8) J. Palmer, iSport International - +22.950
8.(22) S. Trummer, Arden International - +30.425
9.(12) G. Van Der Garde, Caterham Racing - +31.976
10.(21) T. Dillmann, Rapax - +32.545
11.(2) D. Clos, Barwa Addax Team - +32.632
12.(5) F. Leimer, Racing Engineering - +32.856
13.(20) R. Teixeira, Rapax - +36.275
14.(15) F. Onidi, Scuderia Colonni - +36.477
15.(27) R. Haryanto, CArlin - +39.988
16.(7) M. Ericsson, iSport International - +40.386
17.(17) J. Leal, Trident Racing - +47.410
18.(25) N. Melker, Ocean Racing Technology - +56.196
19.(18) F. Crestani, Venezuela GP Lazarus - +59.488
20.(19) G. Serenelli, Venezuela GP Lazarus - +113.295
21.(11) R. González, Caterham Racing - +112.968
22.(1) J Cecotto, Barwa Addax Team - Abandono
23.(14) S. Coletti, Scuderia Coloni - Abandono
24.(6) N. Berthon, Racing Engineering - Abandono
25.(24) B. Hartley, Ocean Racing Technology - Abandono
26.(16) S. Richelmi, Trident Racing - Abandono

-----------------------------------//GP2 2012

NASCAR TRUCK SERIES

James Buescher consegue a primeira vitória de sua carreira na Truck series da Nascar.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Nas últimas voltas das 250 milhas do Kansas pela 4° etapa da Truck Series da Nascar, James Buescher teve um excelente desempenho e acabou cruzando a linha de chegada 5.320 segundos à frente do segundo colocado Timothy Peters.
O brasileiro Nelsinho Piquet teve mais um desempenho excelente chegando no Top 5. Nelsinho acabou cruzando a linha de chegada na 4° posição e continua chamando atenção no automobilismo norte americano. O outro brasileiro, o gaúcho Miguel Paludo tambem teve um bom desempenho chegando entre os 10 primeiros colocados. Paludo terminou a corrida na 10 ° colocação. A próxima etapa da Truck acontece em Charlotte no dia 18 de Maio.

NASCAR CWTS: 4° ETAPA - KANSAS
=================================
1.(31) James Buescher, Chevrolet - 167 voltas
2.(17) Timothy Peters, Toyota - 167 voltas
3.(119) Brad Keselowski, Ram - 167 voltas
4.(30) Nelson Piquet Jr., Chevrolet - 167 voltas
5.(11) Todd Bodine, Toyota - 167 voltas
6.(9) Ron Hornaday, Chevrolet - 167 voltas
7.(6) Justin Lofton, Chevrolet - 167 voltas
8.(29) Parker Kligerman, Ram - 167 voltas
9.(3) Ty Dillon, Chevrolet - 167 voltas **novato**
10.(32) Miguel Paludo, Chevrolet - 167 voltas
11.(33) Cale Galeb, Chevrolet - 167 voltas **novato**
12.(88) Matt Crafton, Toyota - 167 voltas
13.(7) John King, Toyota - 167 voltas **novato**
14.(22) Joey Coulter, Chevrolet - 166 voltas
15.(98) Dakoda Armstrong, Toyota - 166 voltas **novato**
16.(09) John Wes Townley, Toyota - 166 voltas **novato**
17.(2) Tim George Jr., Chevrolet - 166 voltas
18.(18) Jason Leffler, Toyota - 165 voltas
19.(23) Jason White, Ford - 164 voltas
20.(84) Chris Fontaine, Chevrolet - 164 voltas
21.(99) Bryan Silas, Ford - 164 voltas
22.(24) Max Gresham, Chevrolet - 163 voltas **novato**
23.(165) Scott Stenzel, Chevrolet - 163 voltas
24.(13) Johnny Sauter, Toyota - 162 voltas
25.(10) Jennifer Jo Cobb, Ram - 160 voltas
26.(93) Chris Cockrum, Chevrolet - 159 voltas
27.(5) Paul Harraka, Ford - 158 voltas
28.(57) Norm Benning, Chevrolet - 155 voltas
29.(39) Ryan Sieg, Chevrolet - 128 voltas (câmbio)
30.(60) Chad McCumbee, Chevrolet - 54 voltas (bomba de combustível)
31.(81) David Starr, Toyota - 41 voltas (acidente)
32.(214) Brennan Newberry, Chevrolet - 40 voltas (acidente)
33.(112) Russ Dugger, Chevrolet - 39 voltas (acidente)
34.(08) Ross Chastain, Toyota - 17 voltas (motor) **novato**
35.(07) Chris Jones, Toyota - 14 voltas (cãmbio)
36.(27) Jeb Burton, Chevrolet - 2 voltas (acidente) **novato**

-------------------------------------//Nascar Truck Series 2012

segunda-feira, 16 de abril de 2012

BLANCPAIN ENDURANCE SERIES

Na abertura da BES o BMW Z4 saiu vencedor num grid que bateu recorde.
por Luis Fernando Soares de Almeida

O BMW Z4 GT3 No.3 da equipe Marc VDS Racing depois de três horas cruzou a linha de chegada na primeira colocação na abertura da BES em Monza. O trio de pilotos que conduziu o bólido foram Bas Leinders da Bélgica, Markus Palttala da Finlândia e Maxime Martin da Bélgica.
A corrida começou com o carro de segurança na pista já que a forte chuva que caiu antes da corrida alagou vários trechos do circuito de Monza. Mas logo após o inicio da corrida uma tempestade caiu sobre a reta de chegada fazendo com que a direção de prova interrompesse a corrida por 37 minutos.
Com a pista em condições de corrida a largada com 57 carros um recorde absoluto para uma corrida de GT3 aconteceu.
A lenda da Moto GP, Valentino Rossi fez a sua estréia na BES na equipe Kessel Racing. A Ferrari 458 Italia No.46 terminou a corrida na 18° posição. O mais impressionante é que após 2 horas de prova o BMW Z4 No.3 estava apenas na 14° posição, na última hora da corrida o carro era 3 segundos mais rápido do que os oponentes. Confira abaixo como ficou o resultado final da corrida monsturosa.
BES: 1° ETAPA - MONZA - FINAL
===================================
1.(3) Markus Palttala/Bas Leinders/Maxime Martin, BMW Z4 - 77 voltas
2.(2) Edward Sandstroem/Laurens Vanthoor/Marco Bonanomi, Audi R8 LMS - +17.574
3.(13) Koen Wauters/Karl Wendlinger/Anthony Kumpen, Mercedes-Benz SLS AMG - +20.923
4.(71) Stefano Gattuso/Davide Rigon/Daniel Zampieri, Ferrari 458 Italia - +24.543
5.(75) Marc Hennerici/Xavier Maassen/Marc Goossens, Porsche 997 R - +38.010
6.(57) Eugenio Amos/Giacomo Petrobelli/Alessandro Bonacini, Ferrari 458 Italia - +1:40.641
7.(1) Christopher Haase/Christopher Mies/Stephane Ortelli, Audi R8 LMS - +1:48.098
8.(20) Jean Luc Beaubelique/Patrice Goueslard/Ludovic Badey, Ferrari 458 Italia - +2:07.245
9.(8) Richard Westbrook/Mike Stursberg/Hans Guido Riegel, Porsche 997 R
10.(74) Dylan Derdaele/Pail van Splunteren/Maxime Soulet, Porsche 997 R
11.(4) Bert Longin/Henri Moser/Mike Hezemans, BMW Z4
12.(66) Gregory Franchi/Frank Kechele/Yelmer Buurman, BMW Z4
13.(34) Henry Hassid/Roland Berville/Anthony Beltoise, Porsche 997 R
14.(21) Duncan Cameron/Matt Griffin, Ferrari 458 Italia
15.(83) Philippe Gache/Eric Clement/Olivier Pla, Porsche 997 R
16.(12) Gregoire Demoustier/Duncan Tappy, McLaren MP4-12C
17.(52) Niek Hommerson/Louis Machiels/Andrea Bertolini, Ferrari 458 Italia
18.(46) Alessio Salucci/Valentino Rossi, Ferrari 458 Italia
19.(36) Jeroen den Boer/Stephane Lemeret/Jeffrey van Hooydonck, BMW Z4
20.(37) Simon Knap/Andrew Danyliw/Jochen Habets, BMW Z4
21.(79) Joe Twyman/Andrew Smith/Ollie Millroy, BMW Z4
22.(64) Tommaso Maino/Andrea Invernizzi/Mirko Venturi, Ferrari 458 Italia
23.(40) Gregory Guilvert/David Halliday/Jerome Demay, Audi R8 LMS
24.(51) Daniel Brown/Gaetano Ardagna Perez/Giuseppe Ciro, Ferrari 458 Italia
25.(58) Christian Kelders/Vincent Radermaecker, Porsche 997 GT3 R
26.(33) David Tuchbant/Eric Dermont/Antoine Leclerc, Porsche 997 GT3 R
27.(14) Rafael Vanthoor/Marius Ritskes/Dennis Retera, Mercedes-Benz SLS AMG GT3
28.(11) Jean Claude Lagniez/Gabriele Abergel/Xavier Pompidou, Porsche 997 GT3 R
29.(10) Mike Savary/Gabriel Balthazard/Jerome Policand, Ferrari 458 Italia
30.(90) David Jones/Godfrey Jones, Mercedes-Benz SLS AMG GT3
31.(60) Julien Draper/Matt Draper/Stephen Jelley, McLaren MP4-12C
32.(50) Jack Gerber/Marco Cioci, Ferrari 458 Italia
33.(23) Mark Patterson/Zakary Brown/Mark Blundell, McLaren MP4-12C
34.(35) Chris Ward/Jann Mardenborough/Alex Buncombe, Nissan GTR Nismo GT3
35.(70) Phil Baastians/Roger Grouwels/Neil Bouwhuis, BMW Z4
36.(30) Peter Belshaw/Craig Wilkins/Aaron Scott, Audi R8 LMS
37.(73) Paolo Andreasi/Pablo Paladino/Benjamino Caccia, Ferrari 430 Scuderia
38.(82) Gael Lesoudier/Luc Paillard/Gilles Vannelet, Dodge Viper
39.(49) Howard Blank/Jean Marc Bachelier/Yannick Mallegol, Ferrari 458 Italia
40.(7) Miroslav Konopka/Steffano Crotti/Zdeno Mikulasko, Porsche 997 GT3 R
41.(41) Marc Sourd/Pierre Hirsch/Robert Hissom, Audi R8 LMS
42.(17) Dennis Andersen/Martin Jensen, Ferrari 458 Italia
43.(19) Jerome Thiry/Oliver Murley/Riccardo Brutschin, Mercedes-Benz SLS AMG GT3
44.(18) Bret Curtis/Sean Edwards/Steve Jans, Mercedes-Benz SLS AMG GT3
45.(91) Akira Ida/Jun San Chen, McLaren MP4-12C
46.(9) Michael Wainwright/Robert Bell, McLaren MP4-12C
47.(72) Gino Forgione/Maurice Basso/Massimiliano Mugelli, Ferrari 458 Italia
48.(38) Jay Palmer/Michael Lyons/Alessandro Bonetti, Ferrari 458 Italia
49.(31) Romain Brandela/Georges Cabannes/Fabien Thuner, Lamborghini LP520
50.(22) Matthew Bell/David Brabham/Alvaro Parente, McLaren MP4-12C
51.(98) Jan Burnstedt/Mikael Bender/Jocke Mangs, Audi R8 LMS
52.(5) Edouard Mondron/Jack Clarke/Nico Verdonck, McLaren MP4-12C
53.(47) Karim Ojjeh/Ricardo Bravo/Lourenco da Veiga, McLaren MP4-12C
54.(69) Roald Goethe/Stuart Hall, McLaren MP4-12C
55.(88) Jordan Groger/Leon Price/Robert Barff, McLaren MP4-12C

--------------------------------------------//Blancpain Endurance Series 2012

FIA WTCC

Na segunda corrida apenas a ordem dos pilotos vencedores da Chevrolet mudou.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Como era esperado por todos os três carros da Chevrolet da equipe de fábrica venceram tambem a segunda corrida na etapa do Marrocos. A única diferença foi a ordem de chegada dos pilotos. Alain Menu que vencerá a primeira corrida ficou em 3°, com Robert Huff em 2° e o líder absoluto do campeonato Yvan Müller foi o vencedor. Infelizmente não temos competição no WTCC, é um campeonato de apenas um carro, o Chevrolet Cruze e disputam o título apenas 3 pilotos, e olha que estamos apenas na 3° etapa da temporada.
O campeonato da FIA necessita urgentemente de competição, alguma fabrica que entre forte para disputar a hegemonia da Chevrolet, se isso não acontecer temo muito pelo futuro do campeonato. A próxima etapa do WTCC acontece ainda esse mês, nos dias 28-29 na Eslováquia, sera a primeira vez que a categoria se apresenta nesse país.

WTCC: 3° ETAPA - ROUND 6 - MARROCOS

======================================
1.(1) Yvan Müller, Chevrolet Cruze 1.6T - 19:36:836 (11 voltas)
2.(2) Robert Huff, Chevrolet Cruze 1.6T - +0.381 (11 voltas)
3.(8) Alain Menu, Chevrolet Cruze 1.6T - +0.970 (11 voltas)
4.(15) Tom Coronel, BMW 320 TC - +2.153 (11 voltas)
5.(26) Stefano D'Aste, BMW 320 TC - +2.641 (11 voltas)
6.(14) James Nash, Ford Focus S2000 TC - +5.052 (11 voltas)
7.(74) Pepe Oriola, SEAT Leon WTCC - +5.589 (11 voltas)
8.(6) Franz Engstler, BMW 320 TC - +5.610 (11 voltas)
9.(18) Tiago Monteiro, SR Leon 1.6T - +7.374 (11 voltas)
10.(20) Darryl O'Young, SEAT Leon WTCC - +12.861 (11 voltas)
11.(4) Aleksei Dudukalo, SEAT Leon WTCC - +13.587 (11 voltas)
12.(25) Mehdi Bennani, BMW 320 TC - +18.629 (11 voltas)
13.(7) Charles Ng, BMW 320 TC - +29.173 (11 voltas)
14.(40) Andrea Barlesi, SR Leon 1.6T - +31.618 (11 voltas(
15.(12) Pasquale Di Sabatino, Chevrolet Cruze 1.6T - +44.273 (11 voltas)
16.(23) Tom Chilton, Ford Focus S2000 TC - +3 voltas
--- Não Terminaram a Corrida ---
17.(5) Norbert Michelisz, BMW 320 TC - 5 voltas
18.(16) Alberto Cequi, BMW 320 TC - 2 voltas
19.(11) Alex MacDowall, Chevrolet Cruze 1.6T - 0 voltas
20.(3) Gabriele Tarquini, SEAT Leon WTCC - 0 voltas

------------------------------------------------------//FIA WTCC 2012

INDYCAR SERIES

Will Power mesmo largando de trás no grid vence em Long Beach.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Will Power tirou um coelho da cartola, mesmo com a punição no grid de largada que resultou na perda de 10 posições, Power que largou na 12posição saiu vencedor da 3° etapa da IndyCar Series em Long Beach.
A estratégia da equipe Penske foi brilhante, Will Power fez a sua última parada num cálculo perfeito, o novato sensação Simon Pagenaud, liderava mas foi obrigado a entrar nos boxes para reabastecer e mesmo com 23 segundos de vantagem sobre Will Power e Takuma Sato, não foi o suficiente para voltar para a pista na liderança.
O brasileiro Rubens Barrichello fez uma boa corrida, chegou a estar na 3° colocação, mas a estratégia de sua equipe não lhe favoreceu no final da corrida, Rubinho terminou em 9°.
A corrida foi repleta de disputas e alguns acidente, o mais forte deles foi entre Marco Andretti e Graham Rahal. Andretti errou o tempo de frenagem e atingiu com força a traseira do carro de Rahal. Andretti chegou a ficar com as quatro rodas no ar, mostrando que apesar da segurança ter aumentando na Indy com esses novos chassis e carrocerias o perigo no automobilismo sempre esta presente.
A corrida foi uma loucura, pois com a punição de todos os carros que usavam motores da Chevrolet os carros e pilotos ''mais fracos'' foram para frente no grid, com exceção do tetra campeão Dario Franchitti. Aliás Franchitti vem sendo a grande decepção desse inicio de temporada. A Chip Ganassi realmente esta tendo problemas com o novo carro, ontem Franchitti terminou apenas na 15° colocação e Scott Dixon abandonou a corrida com problemas mecânicos.
A sensação da corrida foi o novato francês Simon Pagenaud da equipe de Sam Schmidt, ele largou na 4° posição liderou boa parte da corrida e numa perseguição incrivel a Will Power e se tivessemos apenas mais 1 volta na prova certamente ele ultrapassaria Will Power pois o francês vinha voando na pista. Power cruzou a linha de chegada apenas 8 décimos de segundo á frente de Pagenaud.
O melhor brasileiro na corrida foi Tony Kanaanda KV Racing Technology que finalmente e pela primeira vez nesse ano conseguiu terminar uma corrida. TK como é conhecido nos EUA, terminou numa excelente 4° colocação. Helio Castroneves que liderava o campeonato terminou apenas na 13° posição.
Helinho na última volta e na última curva antes da bandeirada errou e bateu na traseira do carro de Rubens Barrichello, fazendo com que o carro de Rubinho rodasse e bloqueasse totalmente a pista. Os carros com motores da Lotus continuam tendo um desempenho pífio, o melhor colocado foi Oriol Servia da equipe Lotus-DDR que ficou na 16° colocação. As representantes femininas pela terceira vez consecutiva na temporada servem apenas de coadjuvantes e enfeites na pista, Katherine Legge chegou em 19° e Simona de Silvestro na 20° posição. Tanto Legge como Silvestro utilizam os fracos motores da Lotus.
A próxima etapa da Indy acontece em São Paulo, no Anhembi no dia 29 desse mês.
INDY: 3° ETAPA - LONG BEACH - FINAL
=======================================
1.(12) Will Power, Team Penske (Chevy) - 85 voltas
2.(77) Simon Pagenaud, Schmidt Hamilton (Honda) - 85 voltas **Novato
3.(27) James Hinchcliffe, Andretti Autosport (Chevy) - 85 voltas
4.(11) Tony Kanaan, KV Racing Technology (Chevy) - 85 voltas
5.(4) JR Hildebrand, Panther Racing (Chevy) - 85 voltas
6.(28) Ryan Hunter-Reay, Andretti Autosport (Chevy) - 85 voltas
7.(2) Ryan Briscoe, Team Penske (Chevy) - 85 voltas
8.(15) Takuma Sato, Rahal Letterman Lanigan Rac. (Honda) - 84 voltas
9.(8) Rubens Barrichello, KV Racing Technology (Chevy) - 84 voltas
10.(18) Justin Wilson, Dale Coyne Racing (Honda) - 84 voltas
11.(19) James Jakes, Dale Coyne Racing (Honda) - 84 voltas
12.(5) E.J. Viso, KV Racing Technology (Chevy) - 84 voltas
13.(3) Helio Castroneves, Team Penske (Chevy) - 84 voltas
14.(20) Ed Carpenter, Ed Carpenter Racing (Chevy) - 83 voltas
15.(10) Dario Franchitti, Target Chip Ganassi (Honda) - 82 voltas
16.(22) Oriol Servia, Lotus-DRR (Lotus) - 82 voltas
17.(7) Sebastien Bourdais, Lotus-Dragon Racing (Lotus) - 82 voltas
18.(83) Charlie Kimball, Chip Ganassi (Honda) - 80 voltas
19.(6) Katherine Legge, Lotus-Dragon Racing (Lotus) - 80 voltas **Novata
20.(78) Simona de Silvestro, HVM Lotus Racing (Lotus) - 74 voltas (abandono)
21.(98) Alex Tagliani, Team Barracuda (Lotus) - 46 voltas (abandono)
22.(14) Mike Conway, A.J. Foyt Racing (Honda) - 41 voltas (abandono)
23.(9) Scott Dixon, Target Chip Ganassi (Honda) - 27 voltas (abandono)
24.(38) Graham Rahal, Chip Ganassi (Honda) - 23 voltas (acidente)
25.(26) Marco Andretti, Andretti Autosport (Chevy) - 22 voltas (acidente)
26.(67) Josef Newgarden, Sarah Fisher Hartman (Honda) - 0 voltas (acidente) **Novato

-- Tempo de corrida: 1:54.6082
-- Média de velocidade: 88.021 mph - 141.65 Kms
-- Bandeiras amarelas: 3 (12 voltas)
-- Voltas mais rápida: Tony Kanaan na volta No.73 - 69.3541 segundos
-- Pole Position: Ryan Briscoe #2 (Team Penske)

-------------------------------------------------//IndyCar Series 2012

domingo, 15 de abril de 2012

COPA MONTANA

Tiago Geronimi vence a sua primeira corrida na Copa Montana.
por Luis Fernando Soares de Almeida, Foto de Fernanda Freixosa

Tiago Geronimi venceu de ponta a ponta a segunda etapa da Copa Montana disputada nesse domingo em Curitiba. Geronimi ficou livre do acidente que aconteceu na primeira curva, e largando na pole abriu uma boa vantagem e venceu a corrida.
Marco Cozzi chegou na segunda colocação e completando o pódio da etapa de Curitiba veio líder do campeonato Norberto Gresse. A próxima etapa da Montana acontece no dia 20 de Maio no Velopark/RS.

MONTANA: 2° ETAPA - CURITIBA - FINAL
========================================
1.(25) Tiago Geronimi, Hot Car Competições - 24 voltas
2.(23) Marco Cozzi, Carlos Alves Comp. - 24 voltas
3.(44) Norberto Gresse, J. Star Racing - 24 voltas
4.(7) Rodrigo Pimenta, Gramacho Competições - 24 voltas
5.(22) Rafael Daniel, Nascar Motorsport - 24 voltas
6.(88) Leandro Romera, J. Star Racing - 24 voltas
7.(27) Cristian Castro, Nascar Motorsport - 24 voltas
8.(3) Tito Morestoni, Motortech Competições - 24 voltas
9.(56) João Pretto, Carlos Alves Comp. - 24 voltas
10.(32) Fernando Fortes, AMG Motorsport - 24 voltas
11.(77) Beto Cavaleiro, Hot Car Competições - 24 voltas
12.(10) Marcelo Cesquim, Cesquim Racing - 24 voltas
13.(47) Marconi de Abreu, Cesquim Racing - 24 voltas
--- Não completaram a corrida ---
14.(15) Aluizio Coelho, Gramacho Competições - 0 voltas
15.(38) Thiago Penido, AMG Motorsport - 0 voltas

------------------------------------------------//Copa Montana 2012

STOCK CAR BRASIL

Valdeno Brito vence em Curitiba na segunda etapa da Stock Car.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Largando na 2° posição, o paraíbano Valdeno Brito arriscou tudo na largada e se deu muito bem, assumiu a liderança e de lá não sai mais para vencer em Curitiba. O vencedor de Interlagos, Cacá Bueno com apenas 5 voltas teve o motor quebrado do seu carro e abandonou a corrida. Max Wilson chegou na segunda colocação, seguido de Átila Abreu, Ricardo Mauricio e Marcos Gomes completando os cinco primeiros colocados. Vítor Meira, ex-piloto da Indy, conseguiu o seu melhor resultado terminando na 8° posição.
Thiago Camilo, Ricardo Zonta, Rodrigo Navarro e Felipe Maluhy além de Cacá Bueno não terminaram a corrida. Com a 4° colocação, o novo líder do campeonato é Ricardo Maurício com 35 pontos seguido de Valdeno Brito e Átila Abreu com 34 pontos.
A próxima etapa da Stock Car acontece no Velopark no dia 06 de Maio.
STOCK CAR: 2° ETAPA - CURITIBA - FINAL
=========================================
1.(77) Valdeno Brito, Shell Racing, Peugeot - 30 voltas
2.(65) Max Wilson, Eurofarma RC, Chevrolet - 30 voltas
3.(51) Átila Abreu, Mobil Super Pioneer Racing, Chevrolet - 30 voltas
4.(90) Ricardo Maurício, Eurofarma RC, Chevrolet - 30 voltas
5.(80) Marcos Gomes, Medley Fulltime, Peugeot - 30 voltas
6.(29) Daniel Serra, Red Bull Racing, Chevrolet - 30 voltas
7.(14) Luciano Burti, Itaipava Racing Team, Peugeot - 30 voltas
8.(6) Vítor Meira, Officer ProGP, Chevrolet - 30 voltas
9.(4) Júlio Campos, Carlos Alves Comp., Peugeot - 30 voltas
10.(11) Nono Figueiredo, Mobil Super Pioneer Racing, Chevrolet - 30 voltas
11.(1) Antonio Pizzonia, Comprafacil Nascar JF, Peugeot - 30 voltas
12.(35) David Muffato, Itaipava Racing Team, Peugeot - 30 voltas
13.(63) Lico Kaesemodel, RCM Motorsport, Chevrolet - 30 voltas
14.(20) Ricardo Sperafico, Prati-Donaduzzi Racing, Peugeot - 30 voltas
15.(16) Diego Nunes, Hot Car Competições, Chevrolet - 30 voltas
16.(25) Tuka Rocha, BMC Racing, Chevrolet - 30 voltas
17.(9) Giuliano Losacco, Bassani Racing, Peugeot - 30 voltas
18.(18) Allam Khodair, Vogel Motorsport, Chevrolet - 30 voltas
19.(28) Galid Osman, BMC Racing, Chevrolet - 30 voltas
20.(19) Rodrigo Sperafico, Prati-Donaduzzi Competições, Peugeot - 30 voltas
21.(88) Pedro Boesel, Comprafacil Nascar JF, Peugeot - 30 voltas
22.(37) Eduardo Leite, Hot Car Competições, Chevrolet - 30 voltas
23.(7) Alceu Feldman, Shell Racing, Peugeot - 30 voltas
24.(5) Denis Navarro, Vogel Motorsport, Chevrolet - 29 voltas
25.(99) Xandinho Negrão, Medley Fulltime, Peugeot - 29 voltas
26.(74) Popo Bueno, Linea Sucralose, Chevrolet - 23 voltas
---Não completaram a corrida---
27.(21) Thiago Camilo, RCM Motorsport, Chevrolet - 13 voltas
28.(10) Ricardo Zonta, Linea Sucralose, Chevrolet - 13 voltas
29.(22) Rodrigo Navarro, Carlos Alves Comp., Peugeot - 11 voltas
30.(0) Cacá Bueno, Red Bull Racing, Chevrolet - 5 voltas
31.(33) Felipe Maluhy, Bassani Racing, Peugeot - 1 volta

-------------------------------------------------//Stock Car Brasil 2012

FIA-WTCC

Alain Menu vence a primeira corrida da 3° etapa no Marrocos.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Esta ficando muito chato de acompanhar o WTCC, já que o domínio dos Chevrolet Cruzes é absurdamente superior as outras marcas. Na largada Alain Menu ultrapassou os seus companheiros de equipe, Robert Huff e Yvan Müller e assumiu a ponta da corrida. Na primeira volta Mehdi Bennani chocou-se com Nash e ambos os pilotos abandonaram a corrida. As disputas se restringiram da 3° posição para trás já que os carros de fábrica da Chevrolet estão em um nível muito superior aos demais concorrentes.
Obviamente que os três Chevrolet Cruze de fábrica cruzaram a linha de chegada nos três primeiras posições. A segunda corrida da etapa do Marrocos acontece logo mais a tarde. Confira abaixo como terminou a primeira corrida.

WTCC: 3° ETAPA - ROUND 5 - MARROCOS
===========================================
1.(8) ALAIN MENU, CHEVROLET CRUZE 1.6T - 22:28.931 (12 VOLTAS)
2.(2) ROBERT HUFF, CHEVROLET CRUZE 1.6T - +1.074
3.(1) YVAN MÜLLER, CHEVROLET CRUZE 1.6T - +1.554
4.(74) PEPE ORIOLA, SEAT LEON WTCC - +2.268
5.(26) STEFANO D'ASTE, BMW 320 TC - +5.713
6.(6) FRANZ ENGSTLER, BMW 320 TC - +8.075
7.(23) TOM CHILTON, FORD FOCUS S2000 TC - +9.290
8.(15) TOM CORONEL, BMW 320 TC - +16.069
9.(5) NORBERT MICHELISZ, BMW 320 TC - +17.696
10.(20) DARRYL O'YOUNG, SEAT LEON WTCC - +19.284
11.(3) GABRIELE TARQUINI, SEAT LEON WTCC - +26.413
12.(11) ALEX MACDOWALL, CHEVROLET CRUZE 1.6T - +38.647
13.(40) ANDREA BARLESI, SR LEON 1.6T - +44.139
14.(22) TOM BOARDMAN, SEAT LEON TDi - +48.598
15.(16) ALBERTO CERQUI, BMW 320 TC - +50.097
16.(4) ALEKSEI DUDUKALO, SEAT LEON WTCC - +50.377
17.(12) PASQUALE DI SABATINO, CHEVROLET CRUZE 1.6T - +1 VOLTA
--Não terminaram a corrida--
18.(18) TIAGO MONTEIRO, SR LEON 1.6T - 7 VOLTAS
19.(7) CHARLES NG, BMW 320 TC - 6 VOLTAS
20.(24) ISAAC TUTUMLU, BMW 320 TC - 2 VOLTAS
21.(25) MEHDI BENNANI, BMW 320 TC - 2 VOLTAS
22.(14) JAMES NASH, FORD FOCUS S2000 TC - 0 VOLTAS

--------------------------------------//WTCC 2012

AMERICAN LE MANS SERIES

Klaus Graf e Lucas Luhr vencem em Long Beach na categoria Protótipos P1.
por Luis Fernando Soares de Almeida

A estratégia de combustível aliada ao ótimo desempenho da dupla de pilotos Klaus Graf e Lucas Luhr deram a vitória na categoria principal em Long Beach para a equipe Muscle Milk Honda Performance. Com o resultado Graf e Luhr dividem a liderança do campeonato com Chris Dyson e Guy Smith. O final de semana da ALMS foi marcado por muita chuva na sexta feira, o que cancelou o qualifying, a classificação do campeonato é que decidiu o grid de largada na corrida de sábado.
Na categoria GT, Tommy Milner e Oliver Gavin deram a primeira vitória para a Corvette Racing desde 2009, na segunda posição ficou o BMW da equipe RLL pilotado pela dupla Joey Hand e Dirk Müller. Infelizmente não acompanhamos a corrida ao vivo para todo o Brasil , devido a falta de respeito das operadoras de TV a cabo no Brasil que simplesmente retiram do ar os seus canais sem prévia consulta aos assinantes. A Fox Sports obviamente só transmitirá a Nascar para o Brasil e infelizmente perdemos uma das categorias mais interessantes e emocionantes do automobilismo mundial.
Confira abaixo como terminou a 2° etapa da American Le Mans Series.
ALMS: 2° ETAPA - LONG BEACH - FINAL
=========================================
1.(6) P1 Luhr/Graf, Honda ARX-03a - 86 voltas
2.(16) P1 Dyson/Smith, Lola B12/60 - 86 voltas (+43.659)
3.(06) PC Popow/Dalziel, Oreca FLM09 - 85 voltas (+ 1 volta)
4.(5) PC Guasch/Gidley, Oreca FLM09 - 84 voltas (+2 voltas)
5.(05) PC Bennett/Braun, Oreca FLM09 - 84 voltas (+2 voltas)
6.(4) GT Gavin/Milner, Corvette C6 ZR1 - 84 voltas (+2 voltas)
7.(56) GT Hand/D. Müller, BMW E92 M3 - 84 voltas (+2 voltas)
8.(01) GT Sharp/van Overbeek, Ferrari F458 Italia - 84 voltas (+2 voltaas)
9.(3) GT Magnussen/Garcia, Corvette C6 ZR1 - 84 voltas (+2 voltas)
10.(055) P2 Tucker/Bouchut, HPD ARX-03b - 83 voltas (+3 voltas)
11.(007) GT Fernandez/Turner, Aston Martin Vantage - 83 voltas (+3 voltas)
12.(17) GT Henzler/Sellers, Porsche 911 GT3 RSR - 83 voltas (+3 voltas)
13.(45) GT Bergmeister/Long, Porsche 911 GT3 RSR - 83 voltas (+3 voltas)
14.(48) GT Miller/Maassen, Porsche 911 GT3 RSR - 83 voltas (+3 voltas)
15.(20) P1 Marsal/Lux, Lola B11/66 - 83 voltas (+3 voltas)
16.(8) PC Marcelli/Downs, Oreca FLM09 - 83 voltas (+3 voltas)
17.(37) P2 Plowman/Hansson, Morgan - 83 voltas (+3 voltas)
18.(25) PC Richard/Ende, Oreca FLM09 - 82 voltas (+4 voltas)
19.(95) P2 Tucker/Diaz, HPD ARX-03b - 81 voltas (+5 voltas)
20.(44) GT Neiman/Holzer, Porsche 911 GT3 RSR - 81 voltas (+5 voltas)
21.(02) GT Brown/Cosmo, Ferrari F458 Italia - 80 voltas (+6 voltas)
22.(52) PC Leitzinger/Junco, Oreca FLM09 - 80 voltas (+6 voltas)
23.(34) GTC LeSaffre/Falkner, Porsche 911 GT3 Cup - 79 voltas (+7 voltas)
24.(22) GTC MacNeil/Keen, Porsche 911 GT3 Cup - 79 voltas (+7 voltas)
25.(11) GTC Cumming/Valiante, Porsche 911 GT3 Cup - 79 voltas (+7 voltas)
26.(32) GTC Sofronas/Welch, Porsche 911 GT3 Cup - 79 voltas (+7 voltas)
27.(66) GTC Di Guida/Pumpelly, Porsche 911 GT3 Cup - 77 voltas (+9 voltas)
28.(24) GTC Faieta/Avenaiti, Porsche 911 GT3 Cup - 74 voltas (+12 voltas)
29.(55) GT J. Müller/Auberlen, BMW E92 M3 - 71 voltas (+15 voltas)
30.(9) PC Junqueira/Drissi, Oreca FLM09 - 69 voltas (+17 voltas)
31.(23) GT Sweedler/Bell, Lotus Evora - 57 voltas (+29 voltas)
32.(7) PC Kovacic/Burgess, Oreca FLM09 - 35 voltas (+51 voltas)
33.(54) P2 Pappas/Bleekemolen, Lola B11/80 HPD - 1 volta (+85 voltas)

-----------------------------------------------------//ALMS 2012

FÓRMULA 1

Nico Rosberg consegue a primeira vitória de sua carreira em Xangai.
por Luis Fernando Soares de Almeida

O jovem piloto alemão Nico Rosberg fez história nessa madrugada de domingo ao vencer pela primeira vez em sua carreira um etapa da fórmula 1. Rosberg largou na pole e praticamente venceu de ponta a ponta, mostrando maturidade ele não se intimidou em ter ao seu lado o maior campeão da história da categoria o seu compatriota Michael Schumacher. Rosberg e Schumacher fizeram uma ótima largada e mantiveram-se na frente. Jenson Button e Lewis Hamilton fizeram uma grande largada, com Button pulando da 5° para a 3° posição após a primeira curva.
Sebastian Vettel fez uma péssima largada caindo da 11° para a 14° posição. A corrida apresentou várias disputas e ultrapassagens 'artificiais' principalmente graças ao sistema de asas móveis (DRS). Fernando Alonso bem que tentou no incio da corrida se mantendo entre os 6 primeiros colocados, mas a performance dos carros da Ferrari não foram suficientes. Alonso terminou apenas na 9° posição com Felipe Massa terminando apenas na 13° colocação.
Bruno Senna fez uma ótima corrida, largando na 14° posição e com uma boa estratégia de paradas nos boxes, o brasileiro conseguiu terminar na 7° colocação conseguindo pontos importantes para a equipe Williams, que esta ressurgindos das cinzas nessa temporada. O seu companheiro de equipe, o venezuelano Pastor Maldonado terminou logo atrás dele em 8°. Enquanto Nico Rosberg abria a sua vantagem na primeira colocação, um trenzinho se formou atrás do segundo colocado, o alemão Michael Schumacher que não tinha o mesmo desempenho de Rosberg.
Quando Schumacher fez a sua primeira parada, o mecânico responsável pela troca de sua roda dianteira do lado direito, gesticulou desesperado, aparentemente a roda não foi colocada corretamente, Schumacher encosta o seu carro logo após sair do pitlane, era fim de corrida para o super campeão.
Com 18 voltas decorridas da corrida, apenas Massa, Glock e Charles Pic não tinham feito as suas paradas para a primeira troca de pneus. Tivemos boas disputas no bloco intermediário e também pela segunda posição. Rosberg reinou absoluto na prova e chegou a abrir 23 segundos do segundo colocado, Jenson Button. Rosberg cruzou a linha de chegada 20 segundos á frente da McLaren de Jenson Button, fato inpensado na temporada do ano passado. A prova de Xangai sem dúvida foi interessante e divertida devido ao sistema DRS que funcionou perfeitamente produzindo várias ultrapassagens nas longas retas do circuito da China. A próxima etapa da F-1 acontece ou não na semana que vem no Bahrain.
F-1: 3° ETAPA - XANGAI - FINAL
==================================
1.(8) NICO ROSBERG, MERCEDES GP - 1:42.212 (56 VOLTAS)
2.(3) JENSON BUTTON, MCLAREN-MERCEDES - +20.6
3.(4) LEWIS HAMILTON, MCLAREN-MERCEDES - +26.0
4.(2) MARK WEBBER, RBR-RENAULT - +27.9
5.(1) SEBASTIAN VETTEL, RBR-RENAULT - +30.4
6.(10) ROMAIN GROSJEAN, LOTUS-RENAULT - +31.4
7.(19) BRUNO SENNA, WILLIAMS-RENAULT - +34.5
8.(18) PASTOR MALDONADO, WILLIAMS-RENAULT - +35.6
9.(5) FERNANDO ALONSO, FERRARI - +37.2
10.(14) KAMUI KOBAYASHI, SAUBER-FERRARI - +38.7
11.(15) SERGIO PEREZ, SAUBER-FERRARI - +41.0
12.(11) PAUL DI RESTA, FORCE INDIA-MERCEDES - +42.2
13.(6) FELIPE MASSA, FERRARI - +42.7
14.(9) KIMI RÄIKKÖNEN, LOTUS-RENAULT - +50.5
15.(12) NICO HULKENBERG, FORCE INDIA-MERCEDES - +51.2
16.(17) JEAN-ERIC VERGNE, STR-FERRARI - +51.7
17.(16) DANIEL RICCIARDO, STR-FERRARI - +63.1
18.(21) VITALY PETROV, CATERHAM-RENAULT - +1 VOLTA
19.(24) TIMO GLOCK, MARRUSIA-COSWORTH - +1 VOLTA
20.(25) CHARLES PIC, MARUSSIA-COSWORTH - +1 VOLTA
21.(22) PEDRO DE LA ROSA, HRT-COSWORTH - +1 VOLTA
22.(23) NARAIN KARTHIKEYAN, HRT COSWORTH - +2 VOLTAS
23.(20) HEIKKI KOVALAINEN, CATERHAM-COSWORTH - +3 VOLTAS
24.(7) MICHAEL SCHUMACHER, MERCEDES GP - ABANDONO

------------------------------------------------//Fórmula 1 2012

NASCAR SPRINT CUP

Greg Biffle vence no Texas, a 7° etapa da Sprint Cup da Nascar.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Greg Biffle #16, o líder do campeonato quebrou um jejum de 49 corridas sem vitória na noite de ontem vencendo as 500 Milhas Mobile no belíssimo oval de 1 milha e meia no Texas.
Biffle cruzou a linha de chegada 3.5 segundos á frente de Jimmie Johnson #48. Depois de passar a temporada do ano passado assistindo o seu programa ser refeito e ver seus companheiros de equipe, Carl Edwards e Matt Kenseth disputarem o título do ano passado, Biffle esta de volta.
A corrida do Texas foi rápdia, incrivelmente não tivemos nenhum acidente na pista, as bandeiras amarelas foram por detritos na pista e alguns contatos de carros no muro de proteção. O veteraníssimo e eterno Mark Martin que correrá apenas algumas etapas nesse ano, chegou na 3° colocação. Jeff Gordon veio em 4° e Matt Kenseth completou o Top 5. Greg Biffle lidera o campeonato com 19 pontos de vantagem para Matt Kenseth.
NASCAR SC: 7° ETAPA - TEXAS
=================================
1.(16) GREG BIFFLE, FORD - 334 VOLTAS
2.(48) JIMMIE JOHNSON, CHEVROLET - 334 VOLTAS
3.(55) MARK MARTIN, TOYOTA - 334 VOLTAS
4.(24) JEFF GORDON, CHEVROLET - 334 VOLTAS
5.(17) MATT KENSETH, FORD - 334 VOLTAS
6.(56) MARTIN TRUEX JR., TOYOTA - 334 VOLTAS
7.(5) KASEY KAHNE, CHEVROLET - 334 VOLTAS
8.(99) CARL EDWARDS, FORD - 334 VOLTAS
9.(29) KEVIN HARVICK, CHEVROLET - 334 VOLTAS
10.(88) DALE EARNHARDT JR., CHEVROLET - 334 VOLTAS
11.(18) KYLE BUSCH, TOYOTA - 334 VOLTAS
12.(11) DENNY HAMLIN, TOYOTA - 334 VOLTAS
13.(51) KURT BUSCH, CHEVROLET - 333 VOLTAS
14.(1) JAMIE MCMURRAY, CHEVROLET - 333 VOLTAS
15.(22) AJ ALLMENDINGER, DODGE - 333 VOLTAS
16.(42) JUAN MONTOYA, CHEVROLET - 333 VOLTAS
17.(15) CLINT BOWYER, TOYOTA - 333 VOLTAS
18.(27) PAUL MENARD, CHEVROLET - 333 VOLTAS
19.(20) JOEY LOGANO, TOYOTA - 333 VOLTAS
20.(9) MARCOS AMBROSE, FORD - 333 VOLTAS
21.(39) RYAN NEWMAN, CHEVROLET - 332 VOLTAS
22.(43) ARIC ALMIROLA, FORD - 332 VOLTAS
23.(78) REGAN SMITH, CHEVROLET - 332 VOLTAS
24.(14) TONY STEWART, CHEVROLET - 332 VOLTAS
25.(13) CASEY MEARS, FORD - 331 VOLTAS
26.(10) DAVID REUTIMANN, CHEVROLET - 331 VOLTAS
27.(47) BOBBY LABONTE, TOYOTA - 330 VOLTAS
28.(21) TREVOR BAYNE, FORD - 330 VOLTAS
29.(31) JEFF BURTON, CHEVROLET - 330 VOLTAS
30.(83) LANDON CASSILL, TOYOTA - 330 VOLTAS
31.(38) DAVID GILLILAND, FORD - 328 VOLTAS
32.(32) REED SORENSON, FORD - 327 VOLTAS
33.(249) J.J. YELEY, TOYOTA - 325 VOLTAS
34.(33) TONY RAINES, CHEVROLET - 323 VOLTAS
35.(34) DAVID RAGAN, FORD - 313 VOLTAS
36.(2) BRAD KESELOWSKI, DODGE - 312 VOLTAS
37.(36) DAVE BLANEY, CHEVROLET - 228 VOLTAS (VIBRAÇÃO)
38.(93) TRAVIS KVAPIL, TOYOTA - 114 VOLTAS (MOTOR)
39.(26) JOSH WISE, FORD - 66 VOLTAS (VIBRAÇÃO-NOVATO)
40.(119) MIKE BLISS, TOYOTA - 38 VOLTAS (FREIOS)
41.(98) MICHAEL MCDOWELL, FORD - 36 VOLTAS (VIBRAÇÃO)
42.(23) SCOTT RIGGS, CHEVROLET - 25 VOLTAS (VIBRAÇÃO)
43.(195) SCOTT SPEED, FORD - 13 VOLTAS (SUPER AQUECIMENTO)

--------------------------------------------//Nascar Sprint Cup 2012