segunda-feira, 25 de julho de 2016

FORMULA 1



LEWIS HAMILTON VENCE NA HUNGRIA E PASSA A LIDERAR O CAMPEONATO.
por Luis Fernando Soares de Almeida

O britânico Lewis Hamilton da equipe Mercedes definiu a sua vitória e a liderança do campeonato logo na largada quando pulou na frente do seu companheiro de equipe e pole position Nico Rosberg. Hamilton fez uma excelente largada, chegou a ser ameaçado pelo australiano Daniel Ricciardo que tentou a liderança na primeira curva mas por fora. Hamilton tracionou melhor e manteve a liderança. Nico Rosberg chegou a ser superado por Ricciardo mas na segunda curva recuperou a segunda colocação. Hamilton dominou amplamente a corrida e só perdeu a liderança brevemente durante as paradas para trocas de pneus. Nos primeiros estágios da corrida a Red Bull de Ricciardo chegou a pressionar os dois carros da Mercedes, mas no final cruzou a linha de chegada na P3 25 segundos atrás de Hamilton mas com Sebastian Vettel logo atrás dele. A outra batalha entre a Red Bull e a Ferrari tambem foi vencida pela Red Bull. Max Verstappen levou a melhor sobre o finlândes Kimmi Räikkonen da Ferrari. Raikkonen numa tentativa de ultrapassagem chegou a tocar na Red Bull de Max e perdeu parte de sua asa dianteira. Fernando Alonso fez uma boa corrida e terminou na P7 seguido da Toro Rosso de Carlos Sainz na P8, Valtteri Bottas da Williams na P9 e Nico Hulkenberg na P10 fechando a zona de pontuação. Hamilton tem pilotado com extrema confiança nas últimas corridas e desde o incidente entre ele e Rosberg tem se mostrado mais agressivo e preciso na pista. Com a vitória ele alcança a liderança do campeonato pela primeira vez com seis pontos de vantagem sobre Rosberg. Hamilton lidera com 192 pontos contra 186 de Rosberg, Ricciardo alcanção a 3° colocação com 115 pontos, à frente de Räikkonen com 114.

.....................................................................................................Formula 1 2016  

WEATHERTECH SPORTSCAR



CORVETTE DOMINA A ETAPA DE LIME ROCK NA WEATHERTECH SPORTSCAR.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Tommy Milner e Oliver Gavin deram a 100° vitória para a equipe Corvette Racing nesse sábado (23/07) na 8° etapa da temporada da WeatherTech SportsCar em Lime Rock Park. Foi a terceira vitória da temporada de Gavin-Milner no Corvette C7.R No.4. A vitória deixou Gavin-Milner na liderança 10 pontos à frente da dupla Ryan Briscoe e Richard Westbrook da equipe Chip Ganassi Racing. A corrida de duas horas e 40 minutos teve uma disputa muito quente entre os cinco fabricantes presentes na etapa. No final a batalha mais forte ficou entre a Ferrari, a Chevrolet e a Ford. Giancarlo Fisichella com um hora restando liderava com a sua Ferrari 488 No.62 da equipe Risi Competizione, à frente de Gavin no Corvette No.4 e de Briscoe no Ford GT No.67. Quando restavam 30 minutos para terminar a corrida, Giancarlo Fisichella cometeu um erro na famosa sequência de curvas "Big Bend", isso deu a chance para que Oliver Gavin (Corvette C7.R) encostasse e quatro voltas mais tarde superasse a Ferrari de Fisichella e assumisse a liderança da corrida. Fisichella cometeria mais um erro e cairia para a quarta posição sendo superado por Briscoe (Ford GT) e Antonio Garcia que vinha em terceiro com o Corvette No.3. Garcia superou o Ford GT de Briscoe com vinte minutos do final mas não conseguiu pressionar o seu companheiro de equipe. Foi a 60° dobradinha da Chevrolet Corvette Racing na história da SportsCar Challenge. Confira abaixo o resultado final da prova incluindo os da categoria GT Daytona que foi vencida pelo Audi R8 LMS de Potter e Lally da Magnus Racing. 

..........................................................................................WeatherTech SportsCar 2016

NASCAR SPRINT CUP


KYLE BUSCH SOBERANO EM INDIANAPOLIS.
por Luis Fernando Soares de Almeida

O show de Kyle Busch em Indianapolis teve inicio no sábado com a vitória pela XFinity Series e no domingo (24/07) ele foi absolutamente dominante e venceu com tranquilidade conquistando a sua quarta vitória na temporada da Sprint Cup e segue mostrando que é um dos principais favoritos a conquista do bi-campeonato. Kyle liderou nada mais nada menos do que 149 voltas das 170 programadas, um recorde para o lenário circuito de Brick Yard. Uma das cenas mais marcantes dessa corrida que entrou certamente para a história da categoria, foi a última vez que vimos juntos na pista Tony Stewart e Jeff Gordon em Indianapolis. Tony Stewart terminou a corrida na 11° colocação e Jeff Gordon que teve uma participação especial nessa corrida terminou em 13°. A corrida foi para a prorrogação de duas voltas devido a dois acidentes nas últimas voltas. Kyle Busch resistiu muito bem as duas relargadas não dando chances para nenhum adversário, foi um dos finais de semana mais dominante do jovem piloto de apenas 31 anos e que esta fazendo história na Nascar. Confira abaixo o resultado de Indianapolis.

........................................................................................Nascar Sprint Cup 2016

segunda-feira, 18 de julho de 2016

STOCK CAR

 CACÁ BUENO E RUBENS BARRICHELLO VENCEM EM CASCAVEL.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Na primeira corrida da sexta etapa em Cascável, o pole position Cacá Bueno venceu de ponta a ponta. Ricardo Zonta fez uma grande largada pulando da 6° para a 3° posição. Não demorou muito para que Zonta superasse Vitor Genz conquistando a P2 da prova. Marcos Gomes que estava na P4 começou a superar todos a sua frente chegando na seguda posição onde começou a pressionar Cacá pela liderança. Até a volta No.33 tivemos varias trocas de posição entre Cacá e Marcos Gomes na liderança, quando a suspensão do carro No.80 de Gomes quebrou e ele foi obrigado a abandonar a corrida. Cacá conquistou a sua segunda vitória da temporada com Ricardo Zonta cruzando em segundo e Diego Nunes completando o pódio em terceiro. Na segunda corrida Daniel Serra largou na pole e manteve a liderança, mas como ele não fez o reabastecimento na primeira corrida teve que parar no inicio da janela para não correr o risco de pane seca. Na segunda volta da segunda corrida vários carros entraram nos boxes para reabastecimento. Thiago Camilo ficou na pista e parecia que conquistaria a sua primeira vitória da temporada. Mas a aposta não deu certo, na última volta a apenas três curvas da vitória ficou sem combustível e parou na pista. Allam Khodair assumiu a liderança com Rubens Barrichello colado em sua traseira. Na reta final o carro No.18 de Khodair perdeu potência indicando que seu combustivel estava no final, Barrrichello acionou o push-to-pass e cruzou a linha de chegada 61 milésimos a frente de Khodair, no final mais apertado da temporada, uma vitória emocionante para Barrichello. A Stock Car tem uma pequena férias e só volta com a corrida do milhão em Interlagos no dia 11 de Setembro.






















................................................................................................Stock Car 2016

INDYCAR SERIES

 WILL POWER VENCE NAS RUAS DE TORONTO PELA INDY.
por Luis Fernando Soares de Almeida

O australiano Will Power da equipe Penske venceu a 14° etapa da temporada em Toronto e continua a pressionar o seu companheiro de equipe Simon Pagenaud na luta pelo título da temporada. Foi a terceira vitória de Power na temporada, todas conquistadas nas últimas quatro etapas. Com a vitória de domingo Will Power superou Johnny Rutherford na lista de todos os tempos, assumindo a 13° posição da lista com 28 vitórias no total. Power tambem superou Helinho Castroneves e é o vice-líder da temporada, 47 pontos atrás de Simon Pagenaud. Scott Dixon largando da pole position (24° de sua carreira) manteve a liderança após a largada e dominou a primeira metade da corrida de 85 voltas seguido de perto pelo brasileiro Helio Castroneves da Penske. O brasileiro teve muito azar pois teve o seu pneu dianteiro do lado esquerdo furado a volta No.25 e foi obrigado a fazer uma parada nos boxes não programada. O vencedor da semana passada Josef Newgarden da equipe de Ed Carpenter acertou o muro de proteção na curva 5 na volta 58, isso lhe custou as chances de brigar pelo campeonato, ele terminou a corrida apenas na 22° colocação. A bandeira amarela foi acionada e Dixon, Pagenaud e Juan Pablo Montoya tiveram que realizar mais uma parada. Power teve muita sorte já que antes da bandeira amarela ele já tinha realizado a sua parada. Power se manteve na pista na 2° colocação atrás do brasileiro Tony Kanaan que teve que realizar mais uma parada na volta No.75 sob bandeira verde. Na 82° volta mais uma bandeira amarela quando Jack Hawksworth (ABC Supply AJ Foyt Racing) encontrou as barreiras de proteção na curva 5. Isso fez com que Helinho Castroneves e a estrela local James Hinchcliffe encostassem em Power. A relargada aconteceu na volta No.84, Will Power não deu chances para Castroneves e Hinchcliffe e cruzou a linha de chegada na volta seguinte com tranquilidade.
























.....................................................................................IndyCar Series 2016

domingo, 17 de julho de 2016

NASCAR SPRINT CUP

MATT KENSETH VENCE EM NEW HAMPSHIRE PELA SPRINT CUP.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Matt Kenseth esteve muito forte na parte final da corrida, conseguiu superar Martin Truex Jr. e Denny Hamlin para vencer a 20° etapa da temporada em New Hampshire. O piloto do Toyota No.20 da equipe Joe Gibbs teve que superar algumas bandeiras amarelas no final da corrida para vencer. Kenseth tomou a liderança da prova no volta No. 258 ultrapassando Martin Truex Jr. Após perder a liderança ele recuperou a mesma na 271° volta, ultrapassando Denny Hamlin e ficou na liderança até o final. A vitória desse domingo em New Hampshire foi a segunda da temporada para Kenseth e a 38° de sua carreira na Sprint Cup. Tony Stewart cruzou a linha de chegada em 2°, essa foi a segunda corrida onde Stewart termina no Top 5. Joey Logano terminou em 3° seguido de Kevin Harvick e Greg Biffle fechando os cinco primeiros colocados. Kyle Busch e Martin Truex Jr. dominaram os primeiros dois terços da corrida. Busch liderou 133 voltas mas terminou apenas na oitava colocação. Busch e Carl Edwards garantiram as suas vagas no Chase. Truex Jr. liderou 123 voltas mas teve problemas em seu carro e terminou em 16°. Na semana que vem a Sprin Cup chega à Indianapolis, serão 400 milhas.

NASCAR SPRINT CUP: 20° ETAPA - NEW HAMPSHIRE
1.(20) Matt Kenseth, Toyota - 301 voltas
2.(14) Tony Stewart, Chevrolet - 301 voltas
3.(22) Joey Logano, Ford - 301 voltas
4.( 4) Kevin Harvick, Chevrolet - 301 voltas
5.(16) Greg Biffle, Ford - 301 voltas
6.( 1) Jamie McMurray, Chevrolet - 301 voltas
7.(31) Ryan Newman, Chevrolet - 301 voltas
8.(18) Kyle Busch, Toyota - 301 voltas
9.(11) Denny Hamlin, Toyota - 301 voltas
10.(17) Ricky Stenhouse Jr., Ford - 301 voltas
11.(21) Ryan Blaney, Ford - 301 voltas
12.(48) Jimmie Johnson, Chevrolet - 301 voltas
13.( 3) Austin Dillon, Chevrolet - 301 voltas
14.(10) Danica Patrick, Chevrolet - 301 voltas
15.( 2) Brad Keselowski, Ford - 301 voltas
16.(78) Martin Truex Jr., Toyota - 301 voltas
17.(42) Kyle Larson, Chevrolet - 301 voltas
18.(27) Paul Menard, Chevrolet - 301 voltas
19.(43) Aric Almirola, Ford - 301 voltas
20.(19) Carl Edwards, Toyota - 301 voltas
21.(47) AJ Allmendinger, Chevrolet - 301 voltas
22.(41) Kurt Busch, Chevrolet - 301 voltas
23.( 6) Trevor Bayne, Ford - 301 voltas
24.(15) Clint Bowyer, Chevrolet - 301 voltas
25.( 5) Kasey Kahne, Chevrolet - 301 voltas
26.(88) Alex Bowman, Chevrolet - 301 voltas
27.(13) Casey Mears, Chevrolet - 300 voltas
28.(38) Landon Cassill, Ford - 299 voltas
29.(34) Chris Buescher, Ford - 299 voltas
30.(23) David Ragan, Toyota - 299 voltas
31.(83) Matt DiBenedetto, Toyota - 299 voltas
32.( 7) Regan Smith, Chevrolet - 297 voltas
33.(46) Michael Annett, Chevrolet - 295 voltas
34.(24) Chase Elliott, Chevrolet - 294 voltas
35.(55) Reed Sorenson, Chevrolet - 294 voltas
36.(32) Eddie MacDonald, Ford - 293 voltas
37.(98) Ryan Ellis, Chevrolet - 292 voltas
38.(44) Brian Scott, Ford - 278 voltas
39.(95) Michael McDowell, Chevrolet - 191 voltas (abandono)
40.(30) Josh Wise, Chevrolet - 94 voltas (abandono)
.............................................................................................Nascar Sprint Cup 2016

DTM


ROBERT WICKENS E JAMIE GREEN VENCEM EM ZANDVOORT PELA DTM.
por Luis Fernando Soares de Almeida

De maneira dominante, Robert Wickens (Mercedes) venceu a nona corrida da temporada da DTM em Zandvoort na Holanda. Wickens largou na pole position e venceu de ponta a ponta a prova de 40 minutos cruzando a linha de chegada depois de 25 voltas, 7.2 segundos à frente do segundo colocado Marco Wittmann (BMW). O pódio foi completado com Christian Vietoris (Mercedes). Essa foi a 4° vitória do canadense Wickens em sua carreira na DTM. Com oito vencedores diferentes nas últimas nove corridas, a DTM começou a segunda metade da temporada nesse domingo. Na segunda corrida do final de semana que aconteceu nesse domingo (17/07) Jamie Green (Audi) recebeu a bandeira quadriculada após 39 voltas. Até a 34° volta os primeiros lugares pareciam estar definidos. Jamie Green liderava com uma margem confortável seguido por Robert Wickens, Gary Paffett, Christian Vietoris e Edoardo Mortara. Wickens fez uma largada perfeita e ultrapassou Mortara e Vietoris. Paffett que inicialmente defendeu a sua segunda colocação no grid, permitiu que Wickens ultrapassasse na terceira volta, já que Wickens esta muito melhor na tabela de classificação de pilotos. A próxima etapa da DTM acontece no mês de Agosto na Russia, nos dias 19-20 e 21.

DTM - 5° ETAPA - ZANDVOORT - CORRIDA 1
1.Robert Wickens, Mercedes-AMG C 63    25 voltas
2.Marco Wittmann, BMW M4               +7.217
3.Christian Vietoris, Mercedes-AMG C63 +8.987
4.Gary Paffett, Mercedes-AMG C63       +10.657
5.Jamie Green, Audi RS5                +12.626
6.António Felix da Costa, BMW M4       +18.178
7.Mattias Ekström, Audi RS5            +18.877
8.Daniel Juncadella, Mercedes-AMG C63  +19.166
9.Esteban Ocon, Mercedes-AMG C63       +19.838
10.Maxime Martin, BMW M4               +23.592
11.Timo Scheider, Audi RS5             +23.886
12.Lucas Auer, Mercedes-AMG C63        +28.082
13.Bruno Spengler, BMW M4              +30.052
14.Mike Rockenfeller, Audi RS5         +30.424
15.Paul Di Resta, Mercedes-AMG C63     +30.898
16.Tom Blomqvist, BMW M4               +31.416
17.Edoardo Mortara, Audi RS5           +31.575
18.Miguel Molina, Audi RS5             +32.288
19.Martin Tomczyk, BMW M4              +39.134
20.Nico Müller, Audi Rs5               +39.549
21.Timo Glock, BMW M4                  +45.004
**Não classificados**
- Augusto Farfus, BMW M4
- Adrien Tambay, Audi RS5
- Maximilian Götz, Mercedes-AMG C63
DTM - 5° ETAPA - ZANDVOORT - CORRIDA 2
1.Jamie Green, Audi RS5                 39 voltas
2.Gary Paffett, Mercedes-AMG C63        +9.731
3.Edoardo Mortara, Audi RS5             +4.422
4.Marco Wittmann, BMW M4                +4.680
5.Nico Müller, Audi RS5                 +0.796
6.Timo Glöck, BMW M4                    +1.826
7.Mattias Ekström, Audi RS5             +2.680
8.Paul Di Resta, Mercedes-AMG C63       +4.848
9.Lucas Auer, Mercedes-AMG C63          +0.447
10.Tom Blomqvist, BMW M4                +0.445
11.Martin Tomczyk, BMW M4               +4.474
12.Daniel Juncadella, Mercedes-AMG C63  +0.458
13.Augusto Farfus, BMW M4               +1.702
14.Bruno Spengler, BMW M4               +1.220
15.Mike Rockenfeller, Audi RS5          +2.089
16.Robert Wickens, Mercedes-AMG C63     +0.527
17.Esteban Ocon, Mercedes-AMG C63       +5.842
18.René Rast, Audi RS5                  +0.436
19.António Felix da Costa, BMW M4       +28.405
20.Christian Vietoris, Mercedes-AMG C63 +4 voltas
**Não classificados**
- Maxime Martin, BMW M4
- Miguel Molina, Audi RS5
- Maximilian Götz, Mercedes-AMG C63
- Timo Scheider, Audi RS5

................................................................................................................DTM 2016

segunda-feira, 11 de julho de 2016

FORMULA 1


LEWIS HAMILTON VENCE E ROSBERG É PUNIDO EM SILVERSTONE.
por Luis Fernando Soares de Almeida
O britânico Lewis Hamilton (Mercedes) venceu de maneira confortável o Grande Prêmio da Inglaterra no circuito de Silverstone nesse domingo. Nico Rosberg (Mercedes) que cruzou a linha de chegada em 2° foi punido por ser ajudado pela sua equipe, avisando que o piloto tinha que pular a sétima marcha por problemas em seu câmbio. Hamilton cruzou a linha de chegada 6.9 segundos à frente de Rosberg, Max Verstappen (Red Bull) conquistou o seu segundo pódio consecutivo com a terceira colocação (subiu para a 2° colocação com a punição de Rosberg). A corrida teve uma largada monótona com o carro de segurança na pista devido as chuvas, foram seis voltas com o safety car antes da largada. Logo após a saída do carro de segurança foram direto para os boxes para a sua primeira parada, Kimi Räikkonen (Ferrari) foi o primeiro à entrar e trocar para o composto intermediário pois a chuva não era tão severa assim. Pascal wherlein (Manor) saiu da pista e ficou com o seu carro preso na brita, o carro de segurança virtual foi acionado e os três líderes da corrida tambem entraram para a troca de pneus. Verstappen com a pista mais seca tinha um desempenho bem superior a Rosberg e nas curvas Becketts fez uma excelente ultrapassagem por fora assumindo a P2. A batalha da corrida ficou entre Rosberg e Verstappen mesmo, e o alemão recuperou a P2 depois de reclamar muito pelo rádio com a sua equipe que o piloto da Red Bull estava mudndo de direção mais de uma vez para se defender. O australiano Daniel Ricciardo (Red Bull) terminou na P4 pela 5° vez na temporada, Kimi Räikkonen (Ferrari) cruzou na P5 depois de uma ultrapassagem no final da corrida sobre o mexicano Sergio Perez (Force India). Nico Hulkenberg (Force India) terminou em 7° seguido de Carlos Sainz Jr. (Toro Rosso) em 8° e Sebastian Vettel (Ferrari) em 9°, apesar de ter sido penalizado em 5 segundos por causar uma colisão com a Williams do brasileiro Felipe Massa. Daniil Kvyat (Toro Rosso) fechou o Top 10.
...........................................................................................Formula 1 2016

segunda-feira, 27 de junho de 2016

DTM


EDOARDO MORTARA E NICO MÜLLER VENCEM EM NORISRING.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Foram duas corridas sensacionais, cheias de disputas toques e ultrapassagens no circuito de rua de Norisring na 4° etapa da temporada da DTM. Desde 2003 somente carros da Mercedes-AMG conseguiam vencer em Norisring, a escrita foi quebrada nesse final de semana. Na primeira corrida no sábado (25/06) parecia que a Mercedes dominaria e conquistaria mais uma vitória. O pole position Christian Vietoris (Mercedes-AMG) fez uma boa largada mantendo a primeira colocação após a primeira curva. Mattias Ekström (Audi) vinha logo atrás dele pressionando bastante, mas na volta No.8 numa tentativa de ultrapassagem no hairpin Grunding ele acabou ficando por fora, Robert Wickens (Mercedes-AMG) veio por dentro e conquistou a segunda colocação ultrapassando Ekström. As duas Mercedes lideraram até um pouco além da metade da corrida quando Ekström tentou reconquistar a 2° colocação, exagerou no hairpin tocando o seu carro na Mercedes de Wickens e batendo forte no primeiro colocado, Christian Vietoris, um verdadeiro strike que retirou os dois carros da Mercedes da luta pela vitória. Edoardo Mortara (Audi) que vinha em 4° herdou a liderança e cruzou a linha de chegada meio segundo à frente de Jamie Green (Audi). Paul Di Resta (Mercedes-AMG) completou o pódio da primeira corrida. A segunda corrida manteve a intensidade de disputa da primeira. Tão intensa, que oito carros não conseguiram terminar a corrida. Tom Blomqvist (BMW) largou na pole e manteve a liderança após a largada seguido pelo suiço Nico Müller (Audi). A vitória de Nico Müller veio graças a estratégia diferente da parada obrigatória para troca de pneus e reabastecimento. Blomqvist entrou  oito voltas mais cedo do que Müller que permaneceu na pista e conseguiu abrir uma boa vantagem para voltar na liderança. Müller parou apenas na volta No.43 e voltou para a pista na liderança, mas com Blomqvist logo atrás dele. Uma bandeira amarela poderia ter complicado a vida de Müller, mas na relargada ele manteve a frieza e abriu uma distância suficiente da BMW de Blomqvist e garantiu a vitória. Maxime Martin (BMW) completou o pódio chegando em terceiro. Com a 4° colocação na primeira corrida e 6° na segunda corrida Marco Wittman (BMW) lidera o campeonato com 75 pontos, apenas 2 à mais do que os vice-líder Edoardo Mortara (Audi). A próxima etapa do campeonato acontecerá em Zandvoort na Holanda nos dias 16 e 17 de Julho.


...............................................................................................................DTM 2016

domingo, 26 de junho de 2016

PORSCHE GT3 CUP



Paludo e Kaesemodel são os vencedores em Mogi Guaçu.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Foram duas corridas bem movimentadas pela 4° Etapa da Porsche GT3 Cup disputadas no Vello Citá em Mogi Guaçu. Na primeira corrida Miguel Paludo largou na pole position e só teve um pouco de trabalho no inicio da corrida com a pressão de Pedro Queirolo. Adalberto Baptista fez uma grande corrida largando em sexto e chegando em terceiro completando o pódio da primeira corrida. Na segunda corrida JP Mauro largou na pole position mas na primeira curva saiu da pista e caiu para a última colocação. Tom Valle assumiu a liderança e dentro dos últimos 6 minutos acabou cometendo um erro e permitiu que Lico Kaesemodel assumisse a liderança da corrida. Tom Valle ainda conseguiu garantir a 2° colocação apesar da enorme pressão de Miguel Paludo que chegou em terceiro. Com mais uma vitória Kaesemodel lidera o campeonato com apenas 12 pontos de vantagem sobre o segundo colocado Miguel Paludo. A próxima etapa acontece em São Paulo no Autódromo de Interlagos. 


......................................................................................................Porsche GT3 Cup 2016

segunda-feira, 20 de junho de 2016

FORMULA 1



NICO ROSBERG VENCE A PRIMEIRA CORRIDA DA HISTÓRIA NO AZERBAIJÃO.
por Luis Fernando Soares de Almeida

A expectativa criada em torno do GP do Azerbaijão na cidade de Baku foi enorme, com os vários erros de frenagem nos treinos livres e principalmente pelas duas corridas super acidentadas da GP2. Até no treino de classificação Lewis Hamilton bateu e teve que largar na 10° colocação. Mas a expectativa de uma corrida complicada não se confirmou, na realidade a corrida chegou a ser monótona em sua maior parte. Não tivemos muita disputa e nenhum acidente mais grave. Rosberg largando da pole position fez uma ótima largada liderando na primeira curva e nunca mais foi ameaçado na prova. Lewis Hamilton que largou na 5° fila na P10 teve uma prova coberta de desafios, ele chegou a batalhar pela quarta posição mas acabou a corrida numa consistente P5. Hamilton chegou a ter a sua corrida ameaçada quando teve problemas no Sistema de Recuperação de Energia (ERS), após várias voltas andando mais lento do que a maioria dos carros do pelotão da frente o piloto conseguiu achar o acerto correto que resolveu o problema. Sebastian Vettel da Ferrari cruzou a linha de chegada em 2° seguido do mexicano Sergio Perez da Force India que mais uma vez teve uma excelente corrida e conseguiu o seu segundo pódio consecutivo da temporada. Kimi Räikkönen da Ferrari terinou na P4, Valtteri Bottas (Williams) na P6, à frente das duas Red Bulls de Daniel Ricciardo em 7° e Max Verstappen em 8°. Nico Hulkenberg da Force India chegou em 9° e Felipe Massa da Williams fechou a zona de pontuação em 10°. A próxima etapa da Fórmula 1 acontece daqui dias semanas na Áustria no circuito da Red Bull.

............................................................................................................Formula 1 2016

domingo, 19 de junho de 2016

24 HORAS DE LE MANS LMGTE-PRO


FORD ENTRA PARA A HISTÓRIA DAS 24 HORAS DE LE MANS.
por Luis Fernando Soares de Almeida

A Ford entrou com tudo na edição desse ano das 24 Horas de Le Mans. Chip Ganassi levou 4 Ford GT para disputar a corrida. O Ford GT #68 de Joey Hand, Dirk Müller e Sebastien Bourdais colocou 1 minuto de vantagem na vitória sobre a Ferrari 488 GTE da Risi Competizione. Pra fechar com chave de ouro ainda conquistou o 3° lugar do pódio com o Ford GT #69 de Ryan Briscoe, Richard Westbrook e Scott Dixon. Na 4° colocação mais um GT da Ford, o de #66 (Team UK) do trio de pilotos Olivier Pla, Stefan Mücke e Billy Johnson. A Ford entra para a história de Le Mans conseguindo a sua primeira vitória na icônica corrida. 

.........................................................................................24 Horas de Le Mans 2016

24 HORAS DE LE MANS LMP2


NA CATEGORIA LMP2 A FRANÇA SAIU VITÓRIOSA COM O ALPINE A460.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Nicolas Lapierre, Stéphane Richelmi e Gustavo Menezes foi o trio de pilotos na categoria LMP2 uma das mais concorridas da 84° edição das 24 Horas de Le Mans disputada nesse domingo (19/06). O pódio foi completado com duas equipes Russas. O carro #36 da equipe Signatech Alpine liderou a corrida à partir das 10 horas de disputa e não saiu mais da liderança até a bandeirada final. O Alpine A460 fabricado pela França e impuslionado pelo motor Nissan cruzou a linha de chegada em 5° na classificação geral. Na 2° colocação veio o carro #26 (Oreca 05-Nissan) do trio de pilotos Roman Rusinov, Will Stevens e René Rast. E fechando o pódio veio o carro #37 da equipe SMP Racing (BR Engineering BR01-Nissan) de Vitaly Petrov, Viktor Shaitar e Kirill Ladygin, um dia de glórias para a Russia numa das corridas mais importantes da temporada. Numa das mais concorridas categorias, foram 23 carros inscritos, apenas 6 não conseguiram completar a prova. O brasileiro Oswaldo Negri Jr. da equipe Michael Shank Racing terminou a prova na P9 no carro #49 que ele dividiu com John Pew e Laurens Vanthoor. Brunno Senna da equipe RGR Sport By Morano cruzou a linha de chegada no Ligier JS P2 #43 na 10° colocação, Senna dividiu o cockpit do carro com o mexicano Ricardo Gonzalez e o português Filipe Albuquerque. Luis Felipe Derani da Extreme Speed Motortports terminou em 16° com o Ligier JS P2 - Nissan #31, Pipo compartilhou o cockpit com o britânico Ryan Dalziel e o canadense C. Cumming. 

......................................................................................................24 Horas de Le Mans 2016  

24 HORAS DE LE MANS LMP1


PORSCHE CONSEGUE VITÓRIA DRAMÁTICA NOS ÚLTIMOS MINUTOS EM LE MANS.
por Luis Fernando Soares de Almeida

Quando a maratona entrou na sua 23° hora de competição o carro #5 da Toyota TS 050 conduzido pelo piloto Kazui Nakajima abriu 20 segundos de vantagem sobre o segundo colocado, o Porsche #2 919 Hybrid de Romain Dumas, Neel Jani e Marc Lieb. As duas últimas paradas nos boxes dos dois carros foram realizados sem nenhum problema, o Porsche entrou na 373° volta apenas para reabastecer sem troca de pneus. Na volta seguinte entrou o Toyota que tambem não trocou os pneus e apenas reabasteceu. O pitstop dos japoneses foi mais de 4 segundos mais rápido restando apenas 30 minutos para terminar a prova, a diferença entre os carros subiu para 30 segundos. A tragédia com o Toyota TS 050 #5 aconteceu de maneira cruel na última volta. Kazui Nakajima diminiu a velocidade abruptamente na reta de chegada antes da volta final, Neel Jani no Porsche 919 Híbrido #2, passou a toda velocidade por ele na última volta e conquistou o bicampeonato para a Porsche. A Toyota perseguia a sua primeira vitória desde que o projeto do seu carro híbrido foi iniciado em 2012, essa sem dúvida foi a mais dolorosa derrota nos últimos anos na categoria LMP1, as lágrimas corriam soltas no boxe da Toyota, enquanto que no boxe da Porsche os pilotos chegaram a cair no chão na comemoração. Apesar da tragédia a Toyota ainda conquistou o segundo lugar no pódio com o carro #6 do trio de pilotos, Mike Conway, Kamui Kobayashi e Stéphane Sarrazin. O brasileiro Lucas Di Grassi junto com Loic Duval e Olivier Panis fecharam o pódio com a terceira colocação para a Audi (#8 Audi R18 Team Joest).

.......................................................................................................24 Horas de Le Mans 2016

sábado, 18 de junho de 2016

FORMULA 1


NICO ROSBERG CONQUISTA A PRIMEIRA POLE POSITION DA HISTÓRIA DE BAKU.
por Luis Fernando Soares de Almeida

O piloto alemão Nico Rosberg da Mercedes fez história em Baku no Grande Prêmio do Azerbajão. No interessante e desafiante circuito temporário de rua, Rosberg foi o mais rápido e larga na pole position na corrida de amanhã. Sergio Perez da Force India conquistou a 2° posição mas por ter trocado o câmbio de seu carro perde cinco posições no grid de largada. Com isso o australiano Daniel Ricciardo da Red Bull herda a 2° posição e larga ao lado de Rosberg. Sebastian Vettel da Ferrari fez o melhor tempo. No Q3 Lewis Hamilton cometeu um erro e bateu na barreira de proteção e teve a sua suspensão dianteira do lado direito quebrada, com isso ele não marcou tempo e larga na 10° posição. A largada acontece amanhã as 10 hrs de Brasília. Confira na imagem abaixo como ficou o grid de largada.  

................................................................................................................Formula 1 2016

sexta-feira, 17 de junho de 2016

24 HORAS DE LE MANS - GRID

.................................................................................................................24 Horas de Le Mans 2016